Novo Hyundai Santa Fé nas estradas de Cabo Verde

PorExpresso das Ilhas,4 jan 2019 10:11

Só na Europa, desde que lançou o modelo em 2001, a marca coreana vendeu 400 mil Santa Fe. Lançada no ano passado, a quarta geração do SUV chega agora a Cabo Verde.

Uma das maiores novidades é o fim de linha para o Grand Santa Fe para sete passageiros, o que se explica pelas vantagens proporcionadas pela nova plataforma, através da qual passam a estar sempre contemplados os sete lugares.

O topo da gama SUV da Hyundai aumentou a sua distância entre eixos em 70mm para um total de 2765mm, num modelo que apresenta 4770mm de comprimento e 1890mm de largura. O resultado é uma excelente área interior, com o sistema de carris utilizado para a última fila a possibilitar até um desafogo muito assinalável para os que ocupem estes dois bancos.

Após a apresentação do novo modelo, em Barcelona, a imprensa internacional dedicada ao sector automóvel mostrou-se rendida ao bom comportamento em estrada desta versão ensaiada mas também a outros elementos que merecem destaque. A estética que foi totalmente renovada é uma delas e mostra também neste segmento aquilo que tem sido um dos segredos para o crescimento da marca: um design que convence. As linhas são atraentes, pois não são demasiado agressivas e recortadas nem suaves e ovalizadas em excesso.

O que resulta numa imagem que convence, onde a frente é dominada pela grelha Cascading (de toda a gama SUV da Hyundai), com um friso mais extenso na parte superior, e pelas ópticas agora mais esguias, opção partilhada com o Kauai. Mas com uma assinatura visual diferente, o que também se verifica na traseira onde a iluminação é tridimensional e surge integrada em linhas mais musculadas. Há que referir que a Hyundai reduziu as dimensões dos pilares posteriores, uma opção que visa aumentar a visibilidade do condutor. E, nesse campo, não existem qualquer crítica a fazer. Voltando ao design, sobre as opções disponíveis para os clientes escolherem, há jantes entre 17’’ e 19’’, dez cores para a pintura exterior e ainda quatro combinações para o interior. 

Para o Santa Fe há dois motores à escolha. O 2.0 CRDI tem uma potência de 150 cv (110 kW) e 400 Nm de binário e o 2.2 com 200 cv (147 kW), binário de 440 Nm. O primeiro está disponível com caixa manual de 6 velocidades, disponível com tracção dianteira e tracção integral, já o segundo está disponível com a caixa automática de 8 velocidades recentemente desenvolvida, com opção de tracção dianteira..

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,4 jan 2019 10:11

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  17 jul 2019 23:22

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.