Carros eléctricos são oportunidade de 2 mil milhões de dólares

PorExpresso das Ilhas,21 ago 2019 10:25

Os veículos eléctricos irão criar uma oportunidade de 2000 milhões de dólares para o sector das ‘utilities’, conclui o estudo da Accenture ‘The Utilities: Lead the Charge in eMobility’, baseando-se num aumento do número de veículos eléctricos para 10 milhões em 2025 e que este ultrapassará o de veículos apenas com motores de combustão em 2040.

Segundo um estudo complementar conduzido pela Accenture Strategy a 6000 consumidores em todo o mundo, as razões ambientais são, actualmente, as principais impulsionadoras para a compra dos veículos eléctricos, seguidas pelas oportunidades de poupança que estes veículos permitem.

A investigação conclui que cerca de dois terços dos futuros proprietários de carros eléctricos trocariam para um veículo eléctrico para poupar dinheiro a longo-prazo. “No entanto, enquanto se verificam avanços na tecnologia das baterias e surgem novas opções de leasing, os custos de compra destes veículos e o acesso a carregamentos – como os sistemas domésticos de energia ou as estações públicas de carregamento - continuam a ser uma barreira para os proprietários”, refere a Accenture Strategy.

“Exemplo disso são os mais de 80% de consumidores que pretendem ser proprietários de carros eléctricos no futuro e que planeiam carregar os seus veículos primeiramente a partir de casa. No entanto, apenas 55% destes têm garagem própria”, afirma-se no estudo.

“Há um tremendo potencial de valor no mercado da mobilidade eléctrica, mas as empresas precisam de agir já. Munidas de um profundo conhecimento do mercado energético e as suas regras e regulação, e com relações de confiança com o consumidor e com fornecedores, as empresas que invistam de forma inteligente e que proporcionem ofertas direcionadas irão prosperar neste mercado”, comentam os responsáveis da Accenture.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,21 ago 2019 10:25

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 ago 2019 10:25

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.