Dacia Spring Electric: Carro eléctrico familiar que poderá custar cerca de 10 mil euros

PorExpresso das Ilhas,13 abr 2020 15:06

O Dacia Spring Electric será o primeiro carro eléctrico da Dacia. Esta marca romena, que faz parte do grupo Renault, quer colocar a sua marca neste novo segmento automóvel já no próximo ano. Segundo o que já se conhece deste carro, será um veículo simples, robusto e sem emissões.

Um dos trunfos da Dacia é colocar no mercado carros baratos e pode ser o seu maior trunfo nos eléctricos.

A empresa romena de automóveis apresenta-se no mercado com uma oferta sem complexos. Não aspira a oferecer os melhores acabamentos ou a tecnologia mais recente. Aliás, esta empresa tem uma filosofia diferente: oferecer um carro económico e robusto para cumprir a função de viajar.

Conforme já percebemos, a marca faz carros para ir do ponto A para o ponto B e, desta vez, sem emissões, simples, sem ruído e provavelmente será mais um com a receita certa, que tem mostrado bons resultados no caso do Dacia Sandero e do Duster.

Por isso, este primeiro carro eléctrico da Dacia poderá ser um volte face no mercado renovado automóvel.

Estamos a falar de uma marca que coloca no mercado carros acessíveis. Nesse sentido, o Spring da Dacia será um automóvel eléctrico realmente económico. Basicamente poderá ser o carro eléctrico acessível todos os bolsos.

Embora a Dacia não tenha anunciado o preço a que será vendido, deixou pistas de que será o carro eléctrico mais barato da Europa. Os rumores apontam para um preço aproximado – sem subsídios – de 15.000 euros para este primeiro Dacia eléctrico.

Nesse sentido, isso poderá significar que, em Portugal, com os apoios e subsídios, o preço final poderá rondar os 10.000 euros. Assim, este poderá tonar-se no carro elétrico mais barato do mercado.

Este seria um dos carros a apresentar no Salão Automóvel de Genebra, que foi cancelado devido ao coronavírus. No entanto, o Grupo Renault – ao qual pertence a Dacia – quis mostrá-lo online.

As informações referem que este carro eléctrico fará parte da sua gama de automóveis eléctricos em 2021.

Em resumo, este poderá ser uma aposta para particulares, mas, acima de tudo, para empresas que vão buscar vários benefícios fiscais. Assim, tendo em conta esta pandemia e os danos provocados nos mercados, quem sabe se não será agora que estes carros transformam as estradas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,13 abr 2020 15:06

Editado porSara Almeida  em  6 ago 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.