Ford abandona Fiesta

PorExpresso das Ilhas,23 fev 2021 7:54

Citadino dará lugar a crossover 100% eléctrico, um “mini-Mustang Mach-E”.

A Ford traçou um plano de investimento para reforçar a sua gama electrificada, no qual se inclui a adaptação da fábrica de Colónia, na Alemanha, num centro de desenvolvimento e produção de veículos elétricos na Europa que envolve um investimento de 825 milhões de euros.

Neste contexto e tendo presente que, a partir de 2030, o fabricante norte-americano vai banir todos os motores de combustão dos seus novos modelos, começa a falar-se dos possíveis modelos 100% elétricos Ford.

Uma das apostas mais fortes para um dos primeiros veículos a lançar recai num SUV compacto, posicionado abaixo do elétrico Mustang Mach-E.

Esse modelo será feito com base na arquitetura MEB do Grupo Volkswagen, fruto de um acordo estabelecido entre as duas empresas.

Na prática, isto significa que o EV da Ford poderá chegar ao mercado por volta de 2023/2024.

O modelo adoptará traços de crossover, numa espécie de “mini Mustang Mach-e”.

Apesar de ser construído sobre a plataforma MEB da Volkswagen, o próximo modelo zero emissões da marca americana irá manter o ADN da Ford em termos de design e afinação técnica.

Ainda não há especificações técnicas conhecidas, mas é possível que a solução possa passar igualmente pelo uso da tecnologia VW, com as opções dos packs de baterias a oscilarem entre 58 kWh e 77 kWh, a gama energética presente no ID.3.

A autonomia do pequeno Mustang eléctrico poderá chegar a cerca de 400 km.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,23 fev 2021 7:54

Editado porAndre Amaral  em  2 mar 2021 18:19

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.