Xiaomi vai entrar no mercado automóvel

PorExpresso das Ilhas,6 abr 2021 10:26

Ainda não se conhecem detalhes sobre o carro a ser produzido ou se a marca chinesa vai entrar no mercado sozinha ou se se vai associar a alguma construtora automóvel já estabelecida. O que se sabe é que dinheiro parece não faltar. Até 2030 a Xiaomi vai investir 8,5 mil milhões de euros no desenvolvimento de automóveis.

Numa fase inicial, a Xiaomi irá investir 1,3 mil milhões de euros nesta sua nova área de actividade, tendo, igualmente, feito anunciado que durante os próximos dez anos a sua previsão de investimento na indústria automóvel é de 8,5 mil milhões de euros.

No evento em que comunicou a decisão de entrar no negócio automóvel, o CEO da Xiaomi mostrou o projeto de uma autocaravana feita em três meses pelos técnicos da marca, dentro da qual foram integrados todos os produtos da Xiaomi Home.

“A Xiaomi espera apresentar veículos elétricos inteligentes para que todas as pessoas no mundo possam usufruir de um modo de vida inteligente, em qualquer momento”, é o mote da empresa.

Um dos traços distintivos dos futuros elétricos da Xiaomi será o da comercialização de elétricos compatíveis com o ecossistema de produtos inteligentes que a empresa chinesa tem no seu portfólio e que é bastante abrangente, indo desde smartphones a pulseiras de fitness, de smartwatches a trotinetes elétricas, de aspiradores a impressoras ou câmaras de vigilância e drones.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,6 abr 2021 10:26

Editado porAndre Amaral  em  15 abr 2021 10:19

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.