Corpo de jornalista saudita assassinado na Turquia já foi encontrado

PorExpresso das Ilhas,23 out 2018 12:36

Cadeia televisiva Sky News cita fontes turcas para assinalar que o corpo de Jamal Khashoggi foi encontrado.

Segundo a Sky News os restos mortais de Khashoggi foram encontrados no jardim da casa do cônsul-geral da Arábia Saudita, em Istambul, na Turquia.

O jornalista terá sido mutilado e o rosto desfigurado para dificultar a identificação.

Jamal Khashoggi desapareceu a 2 de Outubro quando foi à embaixada da Arábia Saudita tratar de documentação tendo em vista o seu casamento. Nesse dia, Khashoggi chegou ao consulado pelo seu próprio pé, nunca mais tendo sido visto deste então. No final do dia, pelas 17h50, a noiva de Khashoggi apresentava queixa junto das autoridades turcas, que de imediato lançaram uma investigação, segundo o presidente turco Recep Tayip Erdogan.

Erdogan, hoje, acusou a Arábia Saudita de ter usado um sósia para dar a entender que o jornalista tinha abandonado o consulado - reforçando assim a veracidade das imagens já exibidas ontem pela CNN, que davam conta de um homem, com uma barba falsa e com algumas parecenças com o jornalista, a usar as roupas deste.

Durante vários dias a Arábia Saudita defendeu que Jamal tinha saído vivo e pelo seu próprio pé do consulado. Nos últimos dias começaram a admitir a morte do jornalista. No passado sábado admitiram finalmente a morte, mas sugerindo que terá sido "um erro" resultante de uma luta durante um interrogatório.

A versão da autoridades turcas, porém, é particularmente mais violenta: a equipa de sauditas interrogou, torturou e matou o jornalista, tendo desmembrado o corpo deste.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,23 out 2018 12:36

Editado porAndre Amaral  em  15 jul 2019 23:22

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.