​Olimpismo em Ação

PorLeonardo Cunha,15 out 2018 12:50

Decorreu, de 5 a 6 de outubro, à margem dos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires 2018, o Fórum Olimpismo em Ação. Esta iniciativa promovida pelo Comité Olímpico Internacional (COI) teve a inextensão de dar corpo à visão de construir um mundo melhor através do Desporto.

Durante o fórum estiveram mais de 1600 participantes de 205 países, no qual se abordaram os tópicos mais importantes relacionados ao desporto e à sociedade. Tudo isto foi encetado através de um diálogo construtivo com um grupo diversos palestrantes e convidados.

O fórum não envolveu apenas os interessados do Movimento Olímpico, mas também vários líderes do setor privado e público, atletas e média. Houve também o acolhimento esferas mais amplas da sociedade com o poder de promover mudanças, incluindo organizações não governamentais, académicos, empresas, artistas e outros.

As sessões e atividades do fórum incluíram vários debates, workshops colaborativos, demonstrações desportivas, palestras inspiradoras, celebrações culturais, oportunidades de contactos e muito mais.

Cabo Verde, teve a sua participação assegurada através do Comité Olímpico Cabo-verdiano, que procurou os temas de mais interesse para o desenvolvimento nacional através do desporto.

Desses temas, foi possível destacar três programas a decorrer em outros países que podem ser do máximo interesse para implementação no território nacional.

Um dos programas chama-se Fight for Peace (Luta pela Paz), que é assegurada por uma organização Internacional, utilizando a teoria da mudança, permitindo que os jovens aproveitem ao máximo as oportunidades que estão disponíveis.

A Luta pela Paz combina boxe e artes marciais com educação e desenvolvimento pessoal para realizar o potencial dos jovens em comunidades afetadas pelo crime, violência e exclusão social. Eles fornecem aos jovens as ferramentas e estruturas de apoio que precisam para se tornarem campeões de vida e criar futuros positivos para si próprios.

Esta organização está implementada no Rio de Janeiro (sede do programa) mas já está presente em mais de 26 países. O seu fundador e mentor Luke Dowdney, demonstrou todo o interesse em expandir este programa nos países da Lusofonia e acredita que este programa poderá ser implementado em Cabo Verde num futuro próximo.

Outro programa com interesse diz respeito à realizada pela organização Play Internacional, uma organização não governamental pioneira no campo do desenvolvimento da educação através do desporto. Foi fundada em 1999 em torno de uma convicção: o desporto é uma fonte de soluções para atender às nossas questões sociais. Atualmente tem um protocolo com o Comité Olímpico Francês, num projecto de legado para os Jogos Olímpicos de Paris 2024, a ser implementado a nível mundial. Este programa inclui mais de 19 projetos de desenvolvimento através do desporto, sendo que tem intervindo em países como o Haiti ou o Kosovo.

Por fim, realçar o programa da YUNUS Foundation, cujo fundador é o Laureado Nobel da Paz de 2006 Muhammad Yunus. No final do fórum foi igualmente assinado um memorando de entendimento entre o COI e a Fundação Yunus para a promoção do Social Business (Negócios Sociais). O objetivo da fundação é conseguir que através de uma linha de financiamento de microcrédito as organizações (ou indivíduos) possam criar oportunidades de negócio para criar sustentabilidade aos seus projetos sociais. Este modelo deverá ser adotado com prioridade na pós-carreira e carreiras duais de atletas de alto rendimento, contudo não está fora de alcance a metodologia ser abordada em projetos comunitários de desenvolvimento social através do desporto.

O fórum mostrou-se uma oportunidade importante para quem pretende efetivamente desenvolver ferramentas de desenvolvimento social usando o desporto como a sua via primordial.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Leonardo Cunha,15 out 2018 12:50

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  15 out 2018 14:58

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.