Cabo Verde sem casos de Zika desde Abril de 2016

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,25 jun 2019 7:48

​O último caso de Zika registado em Cabo Verde aconteceu em Abril de 2016, revelou segunda-feira a presidente do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP), Maria da Luz, para quem o país é “muito vulnerável” às epidemias.

“O que estamos a fazer é evitar que haja mosquitos no país e isto faz-se através de sensibilização das populações e luta anti vectorial”, precisou a responsável do INSP.

Para Maria da Luz Lima, esta luta tem sido feita em parceria com as câmaras municipais e outros ministérios, nomeadamente o da Educação, no sentido de “sensibilizar os alunos para as boas práticas” em ordem a evitar a criação das condições para o surgimento de focos de mosquitos.

Quando se regista epidemia num país que tem relações muito próximas com Cabo Verde, como é o caso do Brasil, as autoridades sanitárias nacionais “reforçam a vigilância”, não obstante as actividades no terreno continuarem de forma permanente.

“Actualmente, temos um laboratório de virologia que consegue detectar os vírus no momento”, avançou Maria da Luz Lima, acrescentando que o país “nunca baixou os braços” em relação à luta anti vectorial.

A presidente do INSP falava à imprensa à margem do Atelier Nacional de Reforço das Capacidades para a Passagem à Grande Escala das Melhores Práticas de Saúde, que decorre na cidade da Praia de 24 a 28 deste mês.

O representante do responsável da Organização Oeste Africana da Saúde (OOAS), Namoudou Keita, destacou a participação “activa e intensiva” de Cabo Verde nos fóruns regionais sobre as boas práticas de saúde, realizados em diferentes países, desde que a iniciativa foi institucionalizada, em Abril de 2014, em Monróvia (Libéria).

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,25 jun 2019 7:48

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  12 dez 2019 23:21

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.