Nova presidente da ARAP promete trabalhar com foco na transparência

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,14 nov 2019 15:32

A nova presidente do conselho de administração da Autoridade Reguladora das Aquisições Públicas (ARAP) prometeu hoje trabalhar com foco na transparência na utilização dos bens e recursos públicos e melhorar os procedimentos com a revisão do quadro legal.

Durante a sua intervenção na cerimónia de posse, Samira Fernandes Duarte assegurou que vão ser cumpridos os compromissos no quadro da regulação e contratação pública, com rigor e imparcialidade na análise da contratação pública, contribuindo para que Cabo Verde seja um país cada vez mais transparente na utilização dos bens e recursos públicos.

Segundo disse, os desafios passam por promover a boa afectação dos recursos e a poupança interna, evitando gastos desnecessários, bem como a gestão rigorosa, consolidação da credibilidade externa, diminuição o risco de inflação, investimento na formação dos agentes económicos e racionalização dos meios, fomentando a concorrência e o investimento tendo como foco o bem colectivo.

“Neste quadro, impõe-se à ARAP a disponibilização de mais informação, pedagogia, proactividade na aquisição, sendo que a nossa visão será a de melhorar os procedimentos com a revisão do quadro legal, dar enfoque à plataforma digital e proporcionar a celeridade na actuação com rigor e profissionalismo”, prometeu.

Para a nova presidente, este é um sector vital para o desenvolvimento económico do país, que, segundo a mesma, traz sempre consigo a procura de equilíbrio entre o crescimento e a condição prévia de desenvolvimento e a necessária procura de equidade.

Na ocasião, a nova responsável assegurou que ARAP pretende ainda contribuir para o desenvolvimento da economia com medidas assertivas e pragmáticas direccionadas para o crescimento e maturidade do ecossistema nacional de contratação pública, tanto dos agentes económicos públicos como os privados.

“Temos indicadores claros de desenvolvimento alinhado com a política nacional de transparência e produtividade e ultrapassaremos as dificuldades e limitações com o trabalho colectivo aliado aos desafios que nos são confiados”, precisou.

Por seu turno, o vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, mostrou-se confiante de que a nova equipa vai fazer um “excelente trabalho”, sendo certo que tem a obrigação de manter o que está bem, mudar o que está mal, ajustar lá onde for necessário, valorizando sempre o trabalho feito até agora.

Na ocasião, o ministro agradeceu à equipa cessante que esteve à frente da ARAP durante 10 anos, e que segundo o governantetrabalhou para o país ter uma entidade reguladora conhecida, credível, mas nunca esteve isenta de críticas.

O novo conselho de administração da Autoridade Reguladora das Aquisições Públicas é composto por Samira Fernandes Duarte enquanto presidente do conselho, Nilda Gonçalves e Paula Figueiredo (que vem da anterior administração) como administradoras executivas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,14 nov 2019 15:32

Editado porSara Almeida  em  19 fev 2020 23:20

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.