PN deteve 38 pessoas e 14 armas de fogo na cidade da Praia, no último fim de semana

PorSheilla Ribeiro,8 set 2020 18:03

Durante o último fim de semana Polícia Nacional (PN) deteve, em flagrante delito, 38 pessoas, apreendeu 15 armas de fogo e cerca de 53 gramas de canábis na cidade da Praia.

Na sua conta oficial na rede social Facebook, o Comando Regional de Santiago Sul e Maio (CRSSM) explica durante o fim-de-semana ocorreu ainda um homicídio de um jovem de 24 anos, no bairro Vila Nova.

“O mesmo foi ainda socorrido para o HAN por um taxista, tendo dado entrada neste hospital já sem vida. As autoridades competentes prosseguem na investigação deste caso, cujas circunstâncias ainda estão por esclarecer”, escreveu a PN.

No que se refere às detenções, a PN informa que ocorreram nas localidades de Eugénio Lima, Fontom, Alto da Glória, Coqueiro, Paiol, Achada Santo António e Fazenda e que se reportam a indivíduos com idades compreendidas entre os 17 e os 57 anos, além de dois menores.

Segundo a mesma fonte, as operações policiais foram desencadeadas em resposta a rixas e desordem na via pública envolvendo várias pessoas e grupos rivais, com recurso a armas de fogo, pedras e garrafas, provocando danos em algumas viaturas particulares.

A PN destaca o bairro Eugénio Lima por rixas e brigas entre grupos rivais e desordem na via pública, onde foram detidas 14 pessoas, sendo dois do sexo feminino e apreendidas cinco armas de fogo.

“Fontom por desobediência, dano, injúria e agressão contra agentes de autoridade que actuavam uma desordem na via pública, resultando na detenção de 10 indivíduos, todos do sexo masculino; Paiol e Coqueiro, em decorrência de uma investigação de brigas de grupo, com a detenção de dois indivíduos reincidentes e na posse de três armas de fogo”, refere a nota.

Nos bairros da Fazenda e Achada Santo António foram detidos dois indivíduos por posse de armas de fogo.

Conforme a PN, das armas apreendidas 10 são de fabrico artesanal, denominadas de “Boca Bedju”, e quatro são armas convencionais, sendo três de calibre 6,35 e uma de calibre 9mm.

Nas referidas operações, o CRSSM contou com o envolvimento de todas as esquadras policiais da Praia e a colaboração do corpo de intervenção das Forças Armadas.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,8 set 2020 18:03

Editado porSara Almeida  em  19 set 2020 16:19

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.