Ilha do Sal: Piroga dá à costa com 66 indivíduos a bordo

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,16 nov 2020 15:01

Uma piroga proveniente do Senegal deu a costa, no Sal, por volta das 22:30 da noite deste domingo, na zona Pedra de Lume, com um grupo de 66 indivíduos, todos do sexo masculino, segundo as autoridades locais.

Ao que tudo indica trata-se de mais uma tentativa frustrada de cidadãos da costa ocidental africana para chegar à Europa.

Neste caso concreto, o referido grupo, que tinha Espanha por destino, terá partido de Mbour (Senegal), mas veio parar ao Sal devido a uma avaria do motor da embarcação. A canoa ficou ao sabor da corrente marítima, que a desviou da sua rota, segundo informações das autoridades locais.

Seis dos 66 indivíduos conseguiram chegar a terra, à localidade de Pedra de Lume, e pedir ajuda à população, que accionou a polícia. Ainda de acordo com as autoridades,  a operação de resgate foi accionada de imediato após o alerta.

Os migrantes da embarcação, dos quais três menores, foram transportados para o Hospital Regional Ramiro Figueira, para avaliação, procedimento que decorreu durante toda a madrugada de hoje. Tendo em conta o contexto da pandemia, todos os ocupantes da embarcação foram submetidos a testes rápidos à covid-19.

Entretanto alguns dos tripulantes foram já conduzidos para a tenda de campanha, instalada no polidesportivo dos Espargos. Os mesmos estão a ser observados e avaliados por médicos e enfermeiros, perante acompanhamento, também, da polícia de fronteira.

As autoridades locais estão agora a procurar alternativas às tendas, procurando outros espaços com melhores condições para o realojamento.

Segundo o comandante regional da Policia Nacional, Orlando Évora, a maioria dos imigrantes encontra-se bem, mas sete estão hospitalizados, e um deles tem prognóstico reservado.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,16 nov 2020 15:01

Editado porAndre Amaral  em  26 nov 2020 17:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.