“A língua cabo-verdiana não está em risco, mas enfrenta desafios de outra natureza” - PR

PorExpresso das Ilhas,21 fev 2021 9:29

Para o Presidente da República, a língua cabo-verdiana não está em risco, mas “enfrenta” desafios de outra natureza, como a problemática da sua relação com a língua portuguesa.

Jorge Carlos Fonseca fez esta afirmação na sua mensagem alusiva ao Dia Mundial da Língua Materna, assinalado hoje, 21 de Fevereiro.

“Estou seguro de que a língua cabo-verdiana não está em risco, mas enfrenta desafios de outra natureza, como a problemática da sua relação com a língua portuguesa, que tem dificultado o domínio correcto desta, que é nossa língua oficial e a normatização de diversos aspectos da língua materna”, escreveu.

Conforme frisou, é necessário que se realizem estudos numa perspectiva multidisciplinar que apontem caminhos seguros a serem seguidos.

“Seria muito bom que essa perspectiva fosse assumida com determinação, do mesmo modo como o deverá ser a da realização do desidrato que comando constitucional obriga, relativamente à língua materna cabo-verdiana”, frisou.

O Chefe do Estado referiu ainda que na sua historicidade, a língua tem estado sujeita a influências de ordem económica, política, cultural e psicológica que contribuem para que assuma contornos diferentes ao longo dos tempos, sem, contudo, perder a sua essência.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,21 fev 2021 9:29

Editado porSheilla Ribeiro  em  22 fev 2021 11:34

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.