Divulgado programa do Festival Literatura-Mundo 2018

PorExpresso das Ilhas,13 jun 2018 13:00

Do cartaz da edição de 2018
Do cartaz da edição de 2018(FLM Sal)

Conferências, debates, homenagens e sessões de leitura. O Festival Literatura-Mundo Sal reúne durante quatro dias naquela ilha personalidades ligadas à literatura para conversas á volta do fazer literário.

Nesta que é a sua segunda edição, o FLMSal rende no seu primeiro dia homenagem aos poetas Mário Fonseca (Cabo Verde) e Jorge Luis Borge (Argentina) pelas vozes do escritor e jornalista argentino Mempo Giardinelli e do poeta e editor Filinto Elísio.

O arranque do festival – cuja sessão de abertura conta com intervenções do presidente da Academia Cabo-verdiana de Letras e do presidente da Academia Brasileira de Letras - terá também tributo aos “Camões” de Cabo Verde: Arménio Vieira e Germano Almeida estarão presentes, num momento em que intervêm ainda o presidente da Câmara Municipal do Sal, Júlio Lopes, e o escritor Joaquim Arena (moderador).

Entre as conferências e debates que irão marcar os quatro dias do encontro: “Literatura-Mundo: breve história de uma ideia” (com intervenções de Simão Valente e Vera Duarte); “Literatura nacional e/ou literatura universal” (participam Jorge Carlos Fonseca, Julian Fuks, Manuel Halpern, Mempo Giardinelli, Viviane Trindade e Clara Riso (moderadora); “Diálogos e intertextualidades” (intervenções de Arménio Vieira, Daniel Medina, Julian Fuks, Natália Porta Lopez, Vilma Galhego e Isabel Lucas (moderadora), “Tradução, edição e internacionalização” (com Bárbara Mesquita, Clara Riso, Danny Spínola, Joaquim Morais, Prabda Yoon e Selma Caetano (moderadora), entre outros.

Sessões de leitura, assinatura de protocolos e um pronunciamento/tributo à Morna (Candidata a Património Imaterial da Humanidade junto à UNESCO) pelo ministro da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde, Abraão Vicente completam o programa do evento cuja sessão de encerramento irá contar com a presença do Presidente da Assembleia Nacional de Cabo Verde, Jorge Santos.

O Festival Literatura-Mundo do Sal , que pretende “consolidar a ilha do Sal como centralidade literária em Cabo Verde e inscrevê-la como ilha literária reconhecida internacionalmente” ganha este ano extensão a Lisboa (em Setembro) e a Ouro Preto (Brasil).

Entre as parcerias estabelecidas para a realização desta edição contam-se a Casa Fernando Pessoa, o Fórum das Letras de Ouro Preto, o Festival Internacional do Interior “Palavras de Fogo”, a Academia Cabo-verdiana de Letras, a Academia Brasileira de Letras e o Prémio Oceanos.

Promovido pela Câmara Municipal do Sal, com curadoria do escritor José Luís Peixoto e organização da Rosa de Porcelana Editora, o FLM Sal 2018 decorre no Hotel Belorizonte, de 21 a 24 de Junho.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,13 jun 2018 13:00

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  13 jun 2018 15:04

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.