Sub-20 que ficaram em Portugal chegaram a fazer check-in. Federação teme consequências em futuros pedidos de visto

Aeroporto de Lisboa
Aeroporto de Lisboa

Os dois jogadores da selecção nacional de futebol de Sub-20 ​que não regressaram ao país, com a restante comitiva, fizeram o check-in mas não embarcaram no voo com destino à Praia.

Através de nota, a Federação Cabo-Verdiana de Futebol (FCF) esclarece que Luís Fernandes e Euclides Andrade, que fizeram parte da selecção Sub-20 no encontro particular contra Portugal, "surpreenderam a instituição ao não regressarem juntamente com a comitiva, no dia 31 de Janeiro". 

"Estavam os dois atletas no aeroporto de Lisboa, tendo mesmo feito check-in, só que (...) desviaram o caminho e não chegaram a entrar no avião que tinha destino à cidade da Praia", esclarecem a entidade responsável pelo futebol nacional. 

A FCF já deu conta do ocorrido às autoridades competentes, em Cabo Verde e Portugal, e garante estar a fazer os possíveis para que os dois atletas regressem "ainda nesta semana" a Cabo Verde, "para que tal atitude não prejudique futuros convocados residentes, com problemas de obtenção de vistos".

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Rádio Morabeza,4 fev 2019 14:47

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  19 fev 2019 23:22

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.