Preços da eletricidade vão subir em Outubro

PorSheilla Ribeiro,1 set 2021 19:38

A Agência Reguladora Multissectorial da Economia (ARME) acaba de fazer os ajustes nas tarifas de venda de energia eléctrica aos consumidores finais das empresas ELECTRA e AEB, que devem vigorar a partir de 1 de Outubro de 2021. As tarifas da ELECTRA sofrem um ajuste de 6,43 ECV/kWh para cada kWh e as da AEB, sofrem um ajuste de 5,80 ECV/kWh para cada kWh facturado.

Segundo o comunicado daquela entidade, os ajustes nas tarifas de venda de energia eléctrica decorrem da evolução dos preços dos combustíveis durante o período de 01 de Outubro de 2020 a 30 de Setembro de 2021 e bem como os devidos ajustes decorrentes dos exercícios de indexação anteriores.

Assim, conforme as tabelas, em anexo, as tarifas de electricidade da ELECTRA sofrem um ajuste de 6,43 ECV/kWh para cada kWh facturado e em todos os escalões, correspondendo um aumento da tarifa média ponderado pelas quantidades facturadas de 2020 de 30,53%.

Em relação às tarifas da Água e Energia da Boa Vista (AEB), sofrem um ajuste de 5,80 ECV/kWh para cada kWh facturado e em todos os escalões, correspondendo um aumento da tarifa média ponderado pelas quantidades facturadas de 2020, de 24,55%.

De acordo com a mesma fonte, as novas tarifas fixadas estão próximas dos valores de 2019, em vigor no período que antecedeu a crise pandémica, realçando, por outro lado, que estes aumentos reflectem não só o agravamento dos custos suportados pelas empresas de electricidade com os combustíveis, como também os parâmetros de base acordados para os anos 2020 e 2021.

image

image

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,1 set 2021 19:38

Editado porSheilla Ribeiro  em  29 nov 2021 23:20

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.