Putin diz que sanções dos EUA são contraproducentes

PorExpresso das Ilhas, Lusa,22 ago 2018 16:46

O Presidente russo, Vladimir Putin, considerou hoje "contraproducentes" e "sem sentido" as sanções dos Estados Unidos à Rússia, reforçadas nas semanas que passaram desde que se reuniu com Donald Trump.

"Relativamente às sanções, essas acções são muito contraproducentes e sem sentido", respondeu Putin durante uma conferência de imprensa ao lado do homólogo finlandês, Sauli Niinisto, em Sotchi, sul da Rússia.

"Espero que os nossos parceiros americanos venham a perceber que essa política não tem futuro e que comecemos a cooperar normalmente", acrescentou.

Putin insistiu que as sanções interessam "ao 'establishment' norte-americano" e não propriamente ao Presidente dos Estados Unidos.

Os Estados Unidos anunciaram a 08 de Agosto novas sanções económicas à Rússia no âmbito do caso do ex-espião Serguei Skripal envenenado em Março no Reino Unido com um agente neurotóxico desenvolvido na União Soviética, o 'novichok'.

Essas sanções entram hoje em vigor.

Na terça-feira, a administração aumentou a lista de empresas e indivíduos alvo de sanções por apoio a actos de pirataria informática russa e violação do embargo comercial à Coreia do Norte.

Trump e Putin reuniram-se pela primeira vez em cimeira bilateral em Julho em Helsínquia.

Nas declarações que fez hoje, Putin disse que a cimeira foi "positiva e útil".

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,22 ago 2018 16:46

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  25 set 2018 23:19

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.