Estado de emergência declarado em Kakhovka após rompimento de barragem

PorExpresso das Ilhas, Lusa,6 jun 2023 10:29

As autoridades russas na cidade ucraniana de Nova Kakhovka declararam hoje estado de emergência na cidade após o rompimento da estrutura superior da barragem e a inundação da área.

A medida entrou em vigor às 12:00 locais (07:00 em Cabo Verde), segundo o autarca de Nova Kakhovka, Vladimir Leontiev.

Moscovo e Kiev acusam-se mutuamente sobre os danos na barragem situada na margem oriental do rio Dniepre, numa zona ocupada pelas forças russas.

A empresa pública hidroeléctrica ucraniana Ukrhidroenergo disse que os danos ocorridos hoje na barragem de Kakhovka são irreparáveis e foram causados por "uma detonação no interior da sala das máquinas" da estrutura situada no rio Dniepre, Kherson.

"Como resultado da detonação na sala das máquinas, a central hidroeléctrica de Kakhovka ficou completamente destruída", refere uma nota oficial da empresa.

O Ministério do Interior da Ucrânia disse que a destruição parcial da barragem de Kakhovka, em Kherson, pode afectar mais de 80 localidades nas margens do rio Dniepre.

De acordo com o ministro do Interior da Ucrânia, Igor Klymenko, 742 pessoas foram retiradas de zonas afectadas pelas inundações. A Administração Militar ucraniana estima que 16 mil pessoas possam ser directamente afectadas.

As imagens das estações internacionais de televisão mostram a instalação hidroeléctrica situada em Kherson parcialmente destruída, mas a situação ainda não foi verificada por entidades independentes no local.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,6 jun 2023 10:29

Editado porAndre Amaral  em  28 fev 2024 23:28

pub.

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.