Prisão preventiva para suposto homicida de Nuno Silva

PorRádio Morabeza,22 jan 2018 11:03

Nuno Silva
Nuno Silva

O alegado homicida de Nuno Silva, na ilha do Sal, ficou em prisão preventiva, depois de presente ao juiz para o primeiro interrogatório judicial, informa a Polícia Judiciária, através de comunicado. O homem foi detido na madrugada de sexta-feira.

Segundo nota da Polícia Judiciara (PJ), o suspeito do assassinato a tiro de um colega de trabalho, na tarde do dia 17 de Janeiro, foi detido na sequência numa operação conjunta com a Polícia Nacional.

Presente ao juiz, no mesmo dia, o indivíduo, sobre o qual recaem as acusações da prática de dois homicídios, sendo uma na forma tentada, ficou em prisão preventiva.

Nuno Silva foi atingido com seis tiros por um antigo funcionário da empresa. Segundo informações da Polícia Judiciária, o crime que aconteceu no interior de uma casa comercial, na zona de Tanquino Norte, em Santa Maria, terá acontecido na sequência de um desentendimento entre o suposto homicida e a vítima, morta com seis tiros.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Rádio Morabeza,22 jan 2018 11:03

Editado porFretson Rocha  em  21 nov 2018 3:23

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.