Incêndio deflagra na antiga central eléctrica da Gamboa

PorAdilson Pereira,26 mar 2018 14:51

A central desactivada da Electra, na Gamboa, foi hoje atingida por um incêndio. Apesar de não estar operacional, transformada numa subestação, medidas foram tomadas para evitar que as chamas atingissem dois depósitos de combustível nas imediações. As causas do incêndio ainda não são conhecidas.

Para Alcindo Mota, presidente do conselho de administração da Electra, a situação é lamentável. 

“Aconteceu uma situação lamentável, esta manhã, no espaço contíguo à antiga central. De imediato foram mobilizados todos os meios de combate o incêndio aqui da cidade da Praia”, diz.

No combate às chamas, que teve início por volta das dez da manhã, estiveram os bombeiros municipais, a Protecção Civil, os militares e bombeiros da ASA.

O foco do incêndio, segundo Alcindo Mota, registou-se no espaço contíguo à antiga central que neste momento encontra-se desactivada.

Conforme o PCA da Electra, as razões do incêndio serão averiguadas mediante a realização de um inquérito, a ser aberto. 

“O que podemos informar aos jornalistas é que, neste momento, o incêndio está completamente sob controlo”, afirma Alcindo Mota, destacando que decorrem as operações de rescaldo. 

Quando à possibilidade de existirem dois depósitos de combustível próximos do local do incêndio, o responsável da empresa a prefere “não dramatizar”.

Por motivo de segurança a central desactivada, agora uma subestação, foi desligada, o que fez com que o Plateau e a parte baixa da cidade ficassem momentaneamente sem energia.

Bombeiro apagando o fogo
Bombeiro apagando o fogo " style="background-color: initial;

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Adilson Pereira,26 mar 2018 14:51

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.