DNRE vai controlar documentos de transporte de mercadorias

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,7 fev 2019 7:44

​A Direcção Nacional de Receitas do Estado (DNRE) inicia, a partir deste mês, o controlo da emissão de documentos de transporte de mercadorias e outros bens em circulação, visando prevenir e combater evasão e fraude fiscais no país.

Segundo uma publicação no ‘site’ oficial da instituição, a lei estabelece que todas as mercadorias que se encontrem em circulação entre agentes económicos, sujeitos passivos do IVA e do REMPE, sejam sempre acompanhadas de documentos de transporte de acordo com o decreto-Lei n.º 61/2003, de 30 de Dezembro.

Esse documento, explica a fonte, deve discriminar, nomeadamente, a mercadoria transportada, o remetente e o destinatário, bem como a hora e local de expedição e entrega, realçando que esta obrigação legal é um instrumento fundamental para prevenir e combater fenómenos nocivos à sociedade, nomeadamente a evasão e fraude fiscais.

“Tais fenómenos produzem graves danos aos cidadãos cabo-verdianos, à economia nacional, leal concorrência entre as empresas e à justiça e equidade fiscal, pelo que é dever da DNRE passar a exercer uma acção de controlo do cumprimento destas obrigações fiscais”, lê-se na publicação.

A DNRE adianta que, numa primeira fase, as acções terão um carácter eminentemente pedagógico, dedicando-se a mesma a informar e a esclarecer os remetentes dos bens e os transportadores acerca das obrigações fiscais que devem cumprir nesta matéria, frisando, por outro lado, que nesta fase não serão aplicadas coimas nem serão adoptadas medidas coercivas.

A DNRE desenvolverá um conjunto de iniciativas junto dos agentes económicos, de esclarecimento e de formação, por forma a que possam adquirir o conhecimento necessário ao adequado cumprimento destas obrigações fiscais, para evitarem os custos associados ao incumprimento.

As acções de controlo serão desenvolvidas em equipas conjuntas da DNRE e da Polícia Nacional.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,7 fev 2019 7:44

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  24 abr 2019 23:23

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.