​Cinco homens detidos no Sal por roubo, resistência e injuria

A Polícia Judiciária (PJ) deteve domingo e segunda-feira, na ilha do Sal, cinco indivíduos do sexo masculino, por crimes de roubo e resistência a autoridade e injúria agravada.

De acordo com um comunicado emitido ontem pela PJ, quatro dos indivíduos foram detidos na localidade de Preguiça – Espargos, em flagrante delito, por estarem fortemente indiciados na prática de dois crimes de roubo (com violência exercida sobre coisas), um desses, na forma tentada, em co-autoria.

Na posse dos detidos foram apreendidos vários objectos roubados, entre os quais perfumes, colares, brincos, pulseiras e cremes, que ascendem os 500.000$00 (quinhentos mil escudos).

O outro indivíduo, refere a força policial, foi também detido em flagrante delito, na Vila de Palmeira, indiciado na prática de um crime de resistência a autoridade e injúria agravada.

Os detidos, com idades compreendidas entre os 16 e os 32 anos, foram presentes esta segunda-feira, ao Tribunal da Comarca do Sal, que aplicou prisão preventiva a um dos detidos por roubo e Termo de Identidade e Residência, apresentação periódica às autoridades e interdição de saída do país aos restantes três, como medidas de coacção.

Relativamente ao detido por resistência a autoridade e injúria agravada, o Ministério Público promoveu-lhe o julgamento em processo especial sumário

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Rádio Morabeza, Expresso das Ilhas,7 mai 2019 8:22

Editado porAndre Amaral  em  27 mai 2019 6:19

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.