IGAE apreende centenas de contos em produtos no Sal

​Em sete dias, a Inspecção-Geral das Actividades Económicas (IGAE) apreendeu centenas de contos em produtos impróprios para consumo na ilha do Sal, informou a instituição.

Através da sua página na rede social Facebook, a IGAE informa que os produtos confiscados, nomeadamente queijos, cervejas, massas, enchidos, aguardentes e ponches estavam com prazos adulterados, avariados, com rotulagem deficiente e mal conservados.

“Os queijos, massas e enchidos pertencem a uma empresa estrangeira que reembalava produtos fora de prazo para introduzir em hotéis, restaurantes, pizzarias, etc”, lê-se.

A acção de fiscalização, que terminou segunda-feira, culminou com a suspensão de uma fábrica de produção de gelo e com a apreensão de “centenas de produtos fora de prazo no espaço de festival de Santa Maria”.

De acordo com a Inspecção-Geral das Actividades Económicas, os infractores serão alvos de processos de contra ordenação e crime “para serem exemplarmente punidos e retirados os benefícios que o Estado lhes dá para industrialização e podendo ser suspensos até 2 anos”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Rádio Morabeza,18 set 2019 8:04

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  7 jun 2020 23:21

pub.

pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.