Agentes de Segurança Pública e Privada vão fazer greve de três dias

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,18 mai 2021 12:54

Agentes de Segurança Pública e Privada
Agentes de Segurança Pública e Privada Rádio Morabeza

O não cumprimento do acordo colectivo de trabalho e respectiva grelha salarial, assinado e publicado a 1 de Maio, por parte das empresas de segurança privada, leva os trabalhadores do sector a partirem para uma greve de três dias. O vice-presidente do Sindicato Nacional de Agentes de Segurança Pública e Privada, Serviços, Agricultura, Pesca e Afins (SINTEL) diz que já foram feitas várias reuniões com as empresas, mas que há responsáveis que não se pronunciaram sobre o assunto.

António Silva, vice-presidente da SINTEL, falava hoje em conferência de imprensa, realizada na Praia.

"Hoje estamos reunidos com vários vigilantes de empresas de segurança para tomarmos uma decisão. Caso as empresas não cumprirem com o acordo colectivo de trabalho, e a respectiva grelha salarial que já está em vigor, vamos partir para uma greve que será realizada nos dias 15, 16, e 17 de Junho ", avança.

O sindicalista também  não descarta a hipótese de um processo nos tribunais.

''Perante os instrumentos que temos, perante a luta que vamos fazer, se as empresas não cumprirem, vamos encaminhar o processo aos tribunais. As empresas já passaram todos os limites, nós temos a portaria de extensão, publicada no BO, que obriga todas as empresas de segurança a pagar, portanto, vamos fazer a greve e se não tivermos feedback positivo de empresas, estaremos dispostos a recorrer aos tribunais para obrigar as empresas a cumprirem com as suas obrigações", explica.

António Silva avança que se as empresas não cumprirem com o acordado, até 10 de Junho, a greve será realizada.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,18 mai 2021 12:54

Editado porAilson Martins  em  18 out 2021 23:21

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.