Governo faz revolução nas alfândegas para levantamento de pequenas encomendas

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,10 mai 2022 14:23

Vice-líder da bancada parlamentar do MpD, Euclides Silva
Vice-líder da bancada parlamentar do MpD, Euclides Silva Rádio Morabeza

O governo do MpD tem implementado políticas para as comunidades, nomeadamente uma revolução nas alfândegas para levantamento de pequenas encomendas. Quem o diz é o vice-líder da bancada parlamentar da maioria, Euclides Silva, que falava esta manhã na Praia, em conferência de imprensa de balanço das jornadas parlamentares.

“O que estamos a fazer muito além de ter serviços A ou B, é ter políticas públicas para as comunidades, para quando um emigrante enviar a sua pequena encomenda, de Lisboa possa receber a sua encomenda no Tarrafal, nos Picos, ou em qualquer ponto do país com faziam no passado quando enviavam uma correspondência ou uma carta. É essa a revolução que o governo tem em curso e brevemente teremos esse serviço. Assim, quando um emigrante tiver que enviar uma encomenda só tem que contactar com o transitário e não tem que se deslocar ao cais para tirar uma pequena encomenda de dez ou vinte quilos, essa é a nossa grande diferença com o PAICV que tinha muito serviços, mas na prática não dava resposta aos nosso emigrantes", explica.

Noutro tema da actualidade, a inflação, Euclides Silva diz que o governo está firme na protecção dos cabo-verdianos

“O governo não recuou. Na altura foi explicado que o aumento do preço dos combustíveis tinha a ver com o câmbio, a taxa de câmbio naquela altura. O governo não recuou, o governo está firme para continuar a proteger os consumidores cabo-verdianos do choque externo que tem a ver com a crise provocada pela guerra entre a Rússia e a Ucrânia”, avançou.

A sessão ordinária da Assembleia Nacional arranca esta quarta-feira e decorre até dia 13.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,10 mai 2022 14:23

Editado porAndre Amaral  em  24 mai 2022 14:19

pub.
pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.