CNE confirma maioria absoluta do MpD

PorSheilla Ribeiro,30 abr 2021 9:49

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) publicou esta quinta-feira,29, o mapa nacional com o resultado total da Eleição dos Deputados à Assembleia Nacional realizada no dia 18 de Abril de 2021, e sua repartição pelos 13 Círculos Eleitorais, do território nacional e do estrangeiro.

De acordo com os dados agora divulgados pela CNE, o MpD obteve 110.211 votos, o que representa 50,04% do total dos votos e o PAICV conseguiu 87.151 votos, equivalentes a 39,57% do total.

19.796 Pessoas votaram na UCID, representando 8,99% dos votos. O PTS conseguiu apenas 2.065 votos (0,94%); PP 762 votos (0,35%) e PSD 273 votos (0,12%).

Assim, o MpD elegeu 38 deputados mantendo a maioria parlamentar, o PAICV 30 e a UCID tem agora quatro representantes na Assembleia Nacional.

Em 2016, o MpD também venceu com maioria absoluta ao eleger 40 deputados, o PAICV 29 e a UCID três. Este ano, entretanto, o Movimento para a democracia perdeu um deputado em São Vicente e um em Santiago Sul , o PAICV ganhou mais um em Santiago Sul e a UCID em São Vicente.

Estas eleições ficaram igualmente marcadas pela alteração no quadro de deputados eleitos pelos círculos eleitorais. São Vicente, que em 2016 elegia 11 deputados passou a eleger 10 e Santo Antão que elegia sete deputados passou a ser representado por seis. Ao contrário, o Sal que elegia três representantes em 2016 e este ano elegeu quatro e Santiago Sul passou a eleger 19.

Os votos estão contados. E agora?

Depois de encerrada a contagem de votos e agora que os resultados foram confirmados no Boletim Oficial inicia-se o processo de nomeação do novo governo.

Segundo o artigo 153º da Constituição da República “a Assembleia Nacional reúne-se, para início da legislatura, no vigésimo dia subsequente à publicação dos resultados eleitorais no jornal oficial da República”.

Nessa reunião é feita a verificação dos mandatos dos candidatos eleitos e o seu empossamento, seguindo-se a substituição, após empossamento, dos “Deputados nomeados membros do Governo ou providos em outras funções incompatíveis com o exercício do mandato de Deputado”.

Ainda nesta primeira reunião a Constituição da República prevê igualmente que se faça a eleição “por maioria absoluta dos Deputados em efectividade de funções”, do Presidente e os demais membros da Mesa da Assembleia Nacional.

Depois de concluído esse processo é constituída a Comissão Permanente.

bo_29-04-2021_44 by Expresso das Ilhas on Scribd

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,30 abr 2021 9:49

Editado porAndre Amaral  em  6 mai 2021 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.