​Saco da farinha de trigo com redução de preço entre 10,9% e 14,6%

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,24 jan 2023 14:06

O preço do saco de 50 quilogramas da farinha de trigo para panificação sofrerá uma redução entre 10,9% e 14,6%. A medida tem efeitos imediatos e visa “evitar uma escalada do preço do pão”, anunciou hoje o ministro da Agricultura e Ambiente.

Em declarações à imprensa, após um encontro com a MOAVE - Moagem de Cabo Verde, em São Vicente, Gilberto Silva revela que o executivo chegou a acordo com a empresa para que o preço da farinha passe dos actuais 4.600 escudos para 4.100 escudos [-10,9%].

“Fruto dessa articulação e desta cooperação com a MOAVE, nós conseguimos fazer baixar o preço do saco da farinha de trigo de 4.600 para 4.100 escudos e com um desconto para a indústria panificadora com o saco de 50 quilogramas a sair por 3.936 escudos [-14,6%]. Achamos que chegamos a um preço abordável, tendo em conta a conjuntura internacional”, diz.

O governante não revela se o desconto no preço implica alguma compensação financeira por parte do Estado à empresa importadora.

Gilberto Silva considera que a medida representa “uma vantagem para as famílias" porque deve fazer baixar o preço do pão carcaça, um produto básico. Ressalva, no entanto, que não é uma decisão que depende da MOAVE nem do Governo, porque o preço do pão não é regulado em Cabo Verde.

“Com isto nós entendemos que haverá condições para que não haja uma escalada do preço do pão, e acima de tudo que haja concorrência a nível da indústria panificadora e que com base na concorrência também possamos ter os melhores preços”, entende.

O governante refere que “há uma tendência a nível internacional para alguma baixa dos preços”, mas que isto ainda não se verifica na prática em Cabo Verde.

“Por isso, o Governo vai manter-se atento à situação, vamos continuar a analisar e intervir lá onde sempre for necessário, para que possamos assegurar que o sistema alimentar no seu todo seja resiliente e possamos fazer face a este choque internacional”, garante.

Desde o início deste ano que o Governo deixou de subsidiar a importação de trigo, alegando os avultados custos com a medida nos últimos meses, o que fez disparar o preço da farinha de trigo, com o saco de 50 quilogramas a passar de 2.890 escudos para 4.600 escudos, levando as padarias a anunciar aumentos no pão.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,24 jan 2023 14:06

Editado porAndre Amaral  em  7 fev 2023 6:20

pub.
pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.