MpD destaca aposta do governo em matéria de saúde

PorAnícia Veiga, Rádio Morabeza,23 jan 2024 14:31

O Movimento para Democracia (MpD), considera que o país tem conseguido ganhos consideráveis em matéria de saúde. O partido considera que o país tem cumprido com aquilo que são as diretrizes da OMS em matéria de saúde, ou seja, ter uma estrutura de saúde numa distância máxima de 30 minutos da população.

A deputada Vanusa Barbosa falava hoje à imprensa, à margem da jornada parlamentar, que tem início marcado para esta quarta-feira. Desta feita o debate vai ser com o Primeiro-ministro subordinado ao tema “Saúde e Desenvolvimento”.

“Houve remodelação, reestruturação de vários Centros de Saúde, Construção de raiz de vários Centro de saúde, hospitais delegacias de saúde tudo isso para dar respostas e para podermos cumprir com aquilo que orienta a OMS que é nós termos uma estrutura de saúde num máximo de 30 minutos da população”, afirmou a deputada.

Barbosa avança que o país ainda tem alguns desafios, em questão de saúde, a serem resolvidos, mas acredita que “o caminho a ser percorrido é este”.

“Desses desafios, deve-se levar em linha de conta, não só os fatores exógenos, que estão diretamente ligados à nossa localização geográfica e insularidade, mas também outros, que se traduzem na mudança do perfil epidemiológico da nossa população, o que demanda uma forte necessidade de se definir novas estratégias de prevenção e o reforço, de forma contínua, dos cuidados primários de saúde, para que toda a população tenha acesso a esse serviço e em tempo útil”.

Com a declaração de 2024 como sendo o ano da Saúde Mental, Vanusa afiança que vai permitir levar este tema a debate público.

“Tendo o Governo de Cabo Verde declarado 2024 como o Ano da Saúde Mental, queremos levar este tema para a esfera pública, para um alargado debate, mas também com ações concretas, com impacto na população, criando condições para que o debate sobre este tema candente seja feito de forma descomplexada e, acima de tudo, que haja cada vez mais acesso a cuidados”, concluiu.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Anícia Veiga, Rádio Morabeza,23 jan 2024 14:31

Editado porAndre Amaral  em  21 mai 2024 23:28

pub.

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.