Camões abre concurso para bolsas de estudo nas áreas da música e artes cénicas

PorExpresso das Ilhas,17 jun 2019 15:08

Serão atribuídos 48 bolsas de estudos de licenciatura e mestrado nas áreas da música e artes cénicas a cidadãos dos PALOP e de Timor-Leste. Trata-se de uma boa oportunidade para os amantes destas áreas.

A actividade enquadra-se no âmbito da Procultura, acção financiada pela União Europeia, co-financiada e gerida pelo Camões e também pela Fundação Calouste Gulbenkian. 

Segundo uma nota enviada a nossa redacção, esta iniciativa visa contribuir para a criação de emprego em actividades geradoras de rendimento na economia cultural e criativa nos PALOP e em Timor-Leste, entre 2019-23, com orçamento de 19 milhões de euros.

"Entre 2019 e 2020, entre outras actividades destinadas a reforçar competências nos sectores culturais dos seis países do projecto: Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste", lê-se na nota.

Conforme o regulamento, o primeiro concurso decorre entre 14 de Junho e 4 de Julho, para candidatos a licenciatura, e entre 5 de Julho e 12 de Setembro, para candidatos a mestrado.

Não havendo limite de idade, são elegíveis a concurso os cidadãs nacionais dos PALOP e Timor-Leste e aí efetivamente residentes.

As bolsas de licenciatura cobrem apenas o 1.º ciclo de estudos de acordo com Bolonha e têm duração máxima de quatro anos. As bolsas de mestrado têm duração máxima de dois anos.

A entrega de candidaturas é feita através de e-mail (procultura@camoes.mne.pt), com o título “Bolsas – (licenciatura ou mestrado) – (país de residência do/ candidato/a)” ou então presencialmente, junto dos serviços do Camões, IP/ Cooperação Portuguesa nas Embaixadas de Portugal. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,17 jun 2019 15:08

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 jun 2019 10:27

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.