Recomendação para ouvir: A emoção da voz de Cize, em nova roupagem musical – remexer recomenda-se

PorPaulo Lobo Linhares,18 fev 2018 15:27

​Foi a grande voz de Cabo Verde e uma das maiores do mundo. As suas mornas e coladeiras correram palcos, países…o mundo!

Conquistou povos e deixou um legado, e muito mais, que ainda vamos descobrindo, (re)descobrindo e fazendo com que este seja mantido para todo o sempre em lugar destacado da música de Cabo Verde. É essa a nossa missão.

Neste Carnaval, a voz de “Cize” foi de novo ouvida, numa iniciativa da Label Harmonia.

Para tal, a editora chamou Hernâni Almeida para que de novo nos trouxesse a voz da Diva, em formato-carnaval, homenageando assim Cesária Évora, e fazendo a mágica junção de dois emblemas da ilha de São Vicente em particular e de Cabo Verde no geral – Cesária Évora e o Carnaval da ilha de São Vicente.

Hernâni, usando apenas a voz da Cesária, acrescentou toda uma elaborada instrumentação, típica do Carnaval, fazendo com que os 4 temas escolhidos, se tornassem assim, quase que “marchinhas” carnavalescas. Se o espírito festivo e Sanvicentino de Cesária já traz consigo muito desta festa, agora (pelo menos nestes 4 temas) tornou-se “oficialmente” sonoridade de todo um carnaval que ela tanto amou.

Os quatro temas escolhidos para este EP são Angola, Cinturão tem Mele, Estanhadinha e Pomba.

De sublinhar que mais do que a preciosa instrumentação de Hernâni e a homenagem à rainha, numa das principais escolas de Samba de São Vicente, foi sublime ver as novas roupagens dadas aos 4 temas clássicos.

Na verdade, a nossa música muito precisa destas iniciativas. Assim como se mexeu nas coladeiras para um ambiente-carnaval, que haja a intervenção de mais produtores musicais a remexer nas clássicas Coladeiras e porque não também nas Mornas. Para além disso ainda tantos outros ritmos nos restam! A música não é estática e digna de ser moldada, desde que se preserve a ideia primeira do autor e sobretudo o respeito…profundo respeito pela obra primeira.

É caso para dizer que a A voz da Cesária “voltou” em festa e carnaval pelas mãos de Hernâni Almeida.

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 846 de 13 de Fevereiro de 2018.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Paulo Lobo Linhares,18 fev 2018 15:27

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  18 fev 2018 15:27

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.