Ministro do Desporto defende aposta no desporto para "juventude saudável"

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,27 mar 2019 8:17

​O ministro de Estado afirmou terça-feira que o Governo está a fazer um “forte investimento” no desporto de modo a obter “ganhos enormes” em saúde e segurança social, mas com uma “juventude saudável”.

A garantia foi dada por Fernando Elísio Freire, ao participar no painel “Investir nos jovens para alcançar a cobertura universal de saúde na região africana”, no II Fórum da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre a Saúde em África, que decorre na Praia, sob o tema “Alcançando a cobertura universal de saúde e segurança sanitária: a África que queremos ver”.

O governante, que tutela a pasta do Desporto, adiantou que para além de apostar em programas de fomento de actividade física, “o mais importante” é ter uma “juventude saudável, com esperança e com capacidade de participação”.

“Um forte investimento no desporto e na prevenção permitirá ganhos enormes em termos de saúde e de segurança, social, e com uma juventude saudável, bem preparada e cosmopolita que possa trabalhar no mundo inteiro temos todas as condições para sermos um país desenvolvido”, considerou.

Segundo o ministro, é necessário criar e desenvolver programas de actividade física com jovens, apostando na prevenção com atitudes positivas perante a vida, defesa de valores fundamentais, com menos consumo álcool, não uso de drogas e prática de actividade física

“Este investimento terá efeito no futuro e vai permitir ter adultos saudáveis, fazendo com que o país tenha menos custo na saúde e na segurança social”, assegurou

Por seu turno Natasha Chibesa Mwansa, jovem activista da rede dos direitos das crianças e desenvolvimento da Zâmbia, que participou também no mesmo painel, considerou que independente da situação, opinião ou filiação política, todos os jovens devem ter acesso à saúde, “um direito e uma questão social”.

Natasha Chibesa Mwansa afirmou que em alguns países africanos, o orçamento direccionado para a saúde reprodutiva dos jovens “é muito reduzido”, sendo que os jovens “não estão integrados neste orçamento de forma holística”, mesmo a nível da educação.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,27 mar 2019 8:17

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  15 set 2019 23:22

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.