Santiago, São Vicente Sal e Boa Vista concentram maioria das empresas em Cabo Verde

PorExpresso das Ilhas,27 abr 2018 11:15

Inquérito às empresas realizado pelo INE mostra que em 2016 Santiago, Sal, São Vicente e Boa Vista foram as ilhas que mais contribuíram para a economia nacional e aquelas que mais empregos geraram por serem as que concentram a maioria das empresas em actividade em Cabo Verde.

Segundo o relatório do Inquérito às Empresas, divulgado hoje pelo Instituto Nacional de Estatística, Santiago, São Vicente, Sal e Boa Vista concentram 78,3 % do efectivo total de empresas activas em 2016. E, desse total, em 2016, 44,9% das empresas estavam localizadas em Santiago.

O relatório aponta igualmente que o “sector empresarial ocupava 55.892 pessoas (3.109 pessoas empregadas a mais do que em 2015), representando um aumento de 5,9 % face a 2015. Para este aumento, destaca-se o contributo do sector de Hotelaria e Restauração que apresentou uma evolução positiva para o emprego de 21,9 % face a 2015 (2.182 pessoas empregadas a mais do que em 2015)”.

Quanto ao volume de negócios gerado para o total da economia, “ultrapassou os 262,2 milhões de contos (10,6 milhões de contos a mais do que em 2015), representando um crescimento de 4,2 % face a 2015. Para este aumento, destaca-se o contributo do sector de Construção que apresentou uma evolução positiva para o volume de negócios gerado de 71,1% face a 2015 (12,5 milhões de contos a mais do que no ano económico de 2015).

Por sectores de actividade, o Comércio foi a actividade que “concentrou o maior número de empresas (46,5 %) e de pessoas empregadas (23,4 %), sendo também este sector que mais contribuiu para o volume de negócios (36,8 %). A Hotelaria e Restauração foi a segunda actividade que concentrou o maior número de empresas (15,1 %) e de pessoas empregadas (21,7 %), sendo também este sector o terceiro que mais contribuiu para o volume de negócios (11,5 %)”, acrescenta o INE.

O documento produzido pelo INE mostra que a assimetria “entre as Ilhas é visível nas estatísticas empresariais, onde há uma grande concentração da actividade empresarial nas Ilhas de Santiago, São Vicente, Sal e Boa Vista. Isto é, cerca de 78,3 % do total de empresas activas em 2016 estão nessas 4 Ilhas, ocupando 91,7 % do total de pessoas empregadas e acumulando 97,0 % do volume de negócio gerado para o total da economia Cabo-verdiana”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,27 abr 2018 11:15

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.