Conselho de Administração da Cabo Verde Airlines já está completo

PorAndre Amaral,3 mai 2019 10:07

Já são conhecidos os nomes de todos os administradores da Cabo Verde Airlines. Eugénio Pinto Inocêncio e Carlos Jorge Duarte Santos vão ser administradores não executivos da companhia aérea.

Tal como o Expresso das Ilhas tinha anunciado em Março deste ano, no contrato de privatização da Cabo Verde Airlines estavam definidos os nomes de alguns dos membros do Conselho de Administração da empresa. Dos seis lugares que constituem o Conselho de Administração da Cabo Verde Airlines quatro serão ocupados por representantes da Loftleidir Cabo Verde.

Na altura, os nomes conhecidos eram os de Bjorgolfur Johannsson (Presidente do Conselho de Administração), Erlendur Svavarsson (Administrador), Jens Bjarnason (Administrador) e Helgi Mar Bjorgvinsson (Suplente).Os nomes dos representantes do Estado foram ontem publicados no Boletim Oficial. Eugénio Inocêncio e Carlos Jorge Duarte Santos vão ocupar os cargos de Administradores não Executivos

Já na Assembleia Geral, Júlio Martins Júnior será o presidente e Eva Caldeira Marques a vice-presidente. José Augusto Veiga Monteiro ocupará o cargo de Secretário da Assembleia Geral.

O Capital Social da empresa é de um milhão de contos “e encontra-se totalmente subscrito e realizado, através dos valores integrantes do património da sociedade”, sendo o capital representado por um milhão de acções “com o valor nominal de mil escudos cada acção”, lê-se nos Estatutos da empresa publicados ontem no Boletim Oficial.

O capital social da empresa, como já foi referido, é de um milhão de contos sendo possível o seu aumento “por deliberação da Assembleia Geral, mediante proposta do Conselho de Administração”.

Já a transmissão de acções “é livre entre accionistas, mas, nas transmissões para terceiros, os accionistas gozam de direito de preferência”. Estas limitações, no entanto, não se aplicam “às transmissões de acções detidas pelo accionista Loftleidir Cabo Verde uma sociedade anónima, constituída e regida pelas leis da Islândia, com sede na Islândia”. Neste caso, o direito de preferência aplica-se apenas para o Estado de Cabo Verde.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,3 mai 2019 10:07

Editado porAndre Amaral  em  5 mai 2019 22:30

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.