Menos de metade das verbas da resposta à pandemia aplicadas até Julho

PorExpresso das Ilhas, Lusa,3 set 2021 8:48

Cabo Verde aplicou até Julho cerca de 46% dos quase 4,4 milhões de contos que prevê gastar em 2021 nos vários projetos de resposta à pandemia de Covid-19, segundo dados do Governo.

De acordo com um relatório do Ministério das Finanças, consultado pela Lusa, a execução orçamental dos projectos inscritos na resposta à covid-19 totalizou até Julho mais de 2,034 milhões de contos, de um total previsto de 4,417 milhões de escudos para todo o ano (após nova revisão em alta).

Em causa estão projectos de preparação e reposta à covid-19 através da vacinação, de acções de prevenção da transmissão da pandemia, de reforço do sector da Educação, do apoio aos municípios no combate à doença, mas também na atribuição de apoios sociais de emergência às famílias mais carenciadas, nomeadamente trabalhadores do sector informal.

A principal parcela (52,2%) do investimento suportado até Julho foi garantida através de empréstimos ao Estado e a restante verba directamente pelo Tesouro cabo-verdiano (43,1%) e por donativos internacionais (4,6%), de acordo com o mesmo relatório do Ministério das Finanças sobre execução orçamental.

Desde 31 de Março que Cabo Verde estava a registar valores máximos de novos infectados consecutivos, quase todos os dias acima de 200, tendo registado 417 casos, em 05 de Maio, quando o máximo anterior a este período foi de 159, em 11 de Outubro de 2020.

No período crítico da pandemia no arquipélago, Cabo Verde registou uma taxa de incidência acumulada de covid-19 a 14 dias (um indicador utilizado internacionalmente) de 727 casos por cada 100.000 habitantes, de 26 de Abril a 09 de Maio, mas que desde então está em queda.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,3 set 2021 8:48

Editado porAndre Amaral  em  7 dez 2021 23:20

pub.

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.