EUA recuam no 'cerco' à Huawei

PorExpresso das Ilhas,27 jan 2020 15:00

Pode ser um bom sinal para o futuro da empresa chinesa.

O Pentágono e o Departamento do Tesouro apresentaram objecções a uma regra proposta pelo Departamento do Comércio.

O Wall Street Journal está a avançar com a notícia que o Departamento do Comércio dos EUA retirou uma regra que dificultaria a venda de equipamentos e serviços de empresas norte-americanas à Huawei.

A regra existente exige que as transacções feitas fora dos EUA por empresas norte-americanas à Huawei, que consistam em bens com menos de 25% de materiais e patentes feitos fora do país, tenham uma licença de exportação. O plano do Departamento do Comércio era reduzir esta percentagem para 10%, algo que o Pentágono e o Departamento do Tesouro consideraram que poderia ser prejudicial para empresas norte-americanas e decidiram apresentar objecções.

Ainda que a situação da Huawei não tenha efectivamente mudado e a empresa chinesa continue na ‘lista negra’ dos EUA, o facto de se verificar um abrandamento das penalizações pode ser visto como um bom sinal para o futuro.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,27 jan 2020 15:00

Editado porSara Almeida  em  9 jul 2020 23:21

pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.