Júpiter e Saturno vão unir-se no céu como um “planeta duplo” pela primeira vez desde a Idade Média

PorExpresso das Ilhas,28 nov 2020 7:55

Júpiter e Saturno vão “unir-se” no céu, no próximo mês de Dezembro, como um “planeta duplo” pela primeira vez desde a Idade Média.

Estes gigantes do Sistema Solar estão actualmente muito próximos quando vistos da Terra e, logo após o pôr-do-sol de 21 de Dezembro, data do solstício do Inverno, estes mundos vão praticamente “colidir”, transformando-se num ponto de luz super-brilhante.

Os dois maiores planetas do Sistema Solar, presentes no céu nocturno há meses, parecem estar agora mais próximos um do outro do que já estiveram desde a Idade Média.

Se as condições climáticas permitirem, o evento astronómico poderá ser observado à noite a partir de qualquer lugar do planta, apesar de a visibilidade para o fenómeno ser melhor perto do equador, escreve o portal Phys.org.

“Os alinhamentos entre estes dois planetas são bastante raros, ocorrem uma vez a cada 20 ou mais anos, mas esta conjunção é excepcionalmente rara devido à proximidade dos planetas”, explicou Patrick Hartigan, astrónomo da Rice University.

“Teríamos de recuar um pouco antes do nascer do Sol a 4 de Março de 1226 para encontrar um alinhamento mais próximo entre estes dois objectos visíveis no céu nocturno”.

“Na noite de maior aproximação, a 21 de Dezembro, [estes dois planetas] vão parecer-se com um planeta duplo, separados apenas por um quinto do diâmetro da Lua cheia“.

De acordo com o especialista, os planetas voltarão a estar tão próximos a 15 de Março de 2080 e depois no ano de 2400.

Texto originalmente publicado na edição impressa do Expresso das Ilhas nº 991 de 25 de Novembro de 2020.  

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,28 nov 2020 7:55

Editado porAndre Amaral  em  2 set 2021 23:21

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.