Líder iraniano apela à intensificação da luta contra Israel

PorExpresso das Ilhas, Lusa,5 abr 2018 11:35

O líder do Irão, Ali Khamenei, apelou à "intensificação da luta contra o regime sionista (Israel)" e qualificou quaisquer negociações com este país de "erro irreversível" e prejudicial para a causa palestiniana.

De acordo com uma carta de Khamenei ao líder político do movimento palestiniano Hamas, Ismail Haniyeh, publicada nas últimas horas na internet, a única solução é "reforçar a resistência dentro do mundo muçulmano, a intensificação da luta contra o regime sionista usurpador e dos seus aliados".

"As nações (muçulmanas e árabes) devem considerar seriamente isso como o seu dever: repelir o inimigo até o ponto de aniquilação, por meio de acção estratégica e forte", enfatizou.

Neste sentido, o líder iraniano insistiu que "a resistência é a única maneira de libertar a Palestina oprimida" e reiterou o apoio do Irão à causa como "um dever religioso".

Assim, repudiou qualquer negociação com Israel, referindo-se à suposta reaproximação entre Riade e Telavive, impulsionada pela estreita relação entre a Arábia Saudita e os Estados Unidos.

"Avançar para negociações com o regime de usurpadores e mentirosos é um erro irreversível que atrasaria a vitória da nação palestina", afirmou o líder iraniano.

Esta é uma "conspiração e hipocrisia de alguns países árabes que seguem o Grande Satã (Estados Unidos)", referindo-se às citadas negociações, também foi denunciada por Haniyeh numa carta anterior, de acordo com a nota oficial iraniana.

As autoridades iranianas redobraram as suas críticas a Israel desde a passada sexta-feira, quando os confrontos entre manifestantes e soldados israelitas na fronteira de Gaza resultaram na morte de 18 palestinianos.

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Irão, Mohammad Javad Zarif, anunciou na quarta-feira que o Irão levará perante as Nações Unidas e ao Movimento dos Países Não-Alinhados (MNA) os "recentes crimes" cometidos por Israel na fronteira com Gaza.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,5 abr 2018 11:35

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  19 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.