​Intensificam-se os bombardeamentos de Damasco contra Deraa

PorExpresso das Ilhas, Lusa,5 jul 2018 8:39

As forças de Damasco, apoiadas pelos aliados militares russos, bombardearam de forma "intensa" os sectores onde se encontram opositores na província de Deraa, na Síria, onde ocorre uma ofensiva governamental.

Segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, a "intensidade inédita" dos bombardeamentos verificou-se hoje com o lançamento de "centenas" de mísseis e de barris de explosivos pela aviação da Síria e da Rússia.

O alvo foi a zona onde se encontram os opositores ao regime de Damasco na região de Deraa.

Na quarta-feira, as conversações entre representantes russos e o dirigente da oposição em Deraa chegaram a "um impasse" segundo disse à organização não-governamental com sede em Londres, Jaled al Hebus que lidera o movimento contra Damasco na zona.

Dados das Nações Unidas estimam entre 270.000 e 330.000 os sírios que fugiram da zona desde que a 19 de Junho se iniciou a ofensiva do regime para expulsar os rebeldes, que controlam cerca de um terço da província de Deraa.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos, a ofensiva já causou a morte a mais de 130 civis, incluindo 19 crianças.

A ONU tem apelado a um cessar-fogo em Deraa, província onde em Março de 2011 começou a contestação ao regime de Bachar Al-Assad, cuja repressão deu início à guerra civil que já causou mais de 350.000 mortos e milhões de deslocados.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Lusa,5 jul 2018 8:39

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 set 2018 3:22

pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.