​Obras do Hospital Nacional de Cabo Verde arrancam em breve - Governo

PorFretson Rocha, Rádio Morabeza,28 ago 2019 8:20

2

Encontro de trabalho com a Comissão Técnica
Encontro de trabalho com a Comissão Técnica

O Governo deve ter em mãos, até final de Setembro, a proposta técnica e económica do Hospital Nacional de Cabo Verde (HNCV), cujas obras devem arrancar em breve. A proposta, elaborada por uma comissão técnica criada para o efeito, deve ser entregue ao executivo para que, por sua vez, este possa tomar uma decisão definitiva relativamente ao projecto.

Informação avançada terça-feira pelo vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, através de uma publicação na sua página na rede social Facebook, após um encontro com a comissão. Os elementos técnicos e económicos que estão a ser preparados são necessários para que o executivo de Ulisses Correia e Silva possa tomar uma decisão definitiva, incluindo o modelo de financiamento e de gestão da infraestrutura hospitalar.

“Esta comissão foi criada na sequência da decisão do Governo em avançar com o projecto do HNCV, um hospital de referência para melhorar o nível de cuidados de saúde no país, com enfoque na redução das evacuações para o exterior”, recorda Olavo Correia.

O Governante garante que Cabo Verde terá brevemente um hospital nacional à altura das ambições da população.

“Junto com os diversos parceiros nacionais e internacionais estaremos em condições de dar ao país este projecto de referência”, assegura.

O hospital nacional de Cabo Verde está orçado em 56 milhões de euros, com capacidade para 200 camas. O projecto tem uma vertente de transporte dos doentes, o que, para Olavo Correia, é motivo de enorme satisfação.

“O financiamento está disponível. É concecional e em ótimas condições, pelo que as obras arrancam brevemente”, garante.

O memorando de entendimento para a construção do hospital foi assinado no dia 3 de Julho, na ilha do Sal, entre o Governo de Cabo Verde e o representante da Santa Casa da Misericórdia do Porto (Portugal).

O presidente do conselho de administração do Hospital Agostinho Neto (HAN), Júlio Andrade, já disse que o novo hospital da Praia - Hospital Central de Cabo Verde - será um complemento aos hospitais de Cabo Verde e que não vai substituir o HAN.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Fretson Rocha, Rádio Morabeza,28 ago 2019 8:20

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  21 set 2019 14:19

2

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.