Marlene Freitas é cabeça-de-cartaz do Mindelact 2018

PorLourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 out 2018 16:13

João Branco
João Branco(Rádio Morabeza)

A coreógrafa cabo-verdiana Marlene Freitas é cabeça-de-cartaz do Mindelact 2018. Mais de 60 espectáculos, de 38 grupos, vindos de 14 países, compõem, este ano, o cartaz do festival internacional de teatro.

A garantia foi dada hoje pelo presidente da Associação Mindelact, João Branco, em conferência de imprensa para apresentação do programa do evento, que acontece em Mindelo, de 02 a 11 de Novembro.

O teatro-dança “De Marfim e Carne-As estátuas também sofrem”, de Marlene Freitas, marca a abertura do festival, e é uma das estreias do Palco1.

“Este ano no Palco1 temos três espectáculos que são exclusivamente cabo-verdianos e dois com ligações a Cabo Verde. Dos dez espectáculos que estão no Palco 1, cinco estão directa ou indirectamente ligados às artes performativas cabo-verdianas, a começar pelo espectáculo de abertura da Marlene Freitas”, indica João Branco.

“Metamorfose”, uma produção do Grupo de Teatro do Centro Cultural Português, e reinterpretação do espectáculo “Elas”, da Vera Cruz, são outras estreias crioulas que devem passar pelo Palco 1.

A edição 2018 do Festival Internacional do Mindelo vai contar com 60 espectáculos, de 38 grupos, provenientes para além de Cabo Verde, do Brasil, de Portugal, EUA, Angola, Uruguai, Gana, França, Marrocos, entre outros.

Questionado sobre o orçamento, João Branco afirma que “o festival sustenta-se na economia dos afectos”.

À semelhança dos outros anos, a 24ª edição do Mindelact vai ter também uma extensão na cidade da Praia, com seis espectáculos previstos para a capital.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Lourdes Fortes, Rádio Morabeza,2 out 2018 16:13

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  23 jun 2019 23:22

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.