Cabo Verde recebe da Índia sete toneladas de medicamentos de combate à COVID-19

PorSheilla Ribeiro,29 set 2020 12:52

O ministério da Saúde e da Segurança Social recebeu hoje, por parte da Índia, sete toneladas de medicamentos usados neste momento para o combate aos sintomas da COVID-19. O director do Gabinete dos Assuntos Farmacêuticos garantiu que os medicamentos serão utilizados no combate à pandemia.

A cerimónia de entrega oficial do referido donativo ocorreu hoje. Na ocasião o director do Gabinete dos Assuntos Farmacêuticos, Bruno Santos, agradeceu a doação e afirmou que oferta vem em uma “boa hora”.

“São cerca de sete toneladas de medicamentos variadíssimos desde antimicrobianos a anti-inflamatórios, são medicamentos que nós estamos a usar neste momento para o combate aos sintomas da COVID-19”, discursou.

Segundo referiu, a Índia é um dos maiores produtores de medicamentos do mundo e segue as regras de regulação da Organização Mundial da Saúde.

“São medicamentos de excelente qualidade, pelo que nós queremos usar esses medicamentos. Vamos usar esses medicamentos e serão muito bem-vindos a Cabo Verde. Nós agradecemos imensamente esta ajuda”, disse.

Por sua vez, a Cônsul Honorária da Índia em Cabo Verde, Helena Delgado, disse que a doação desses medicamentos é um reflexo da solidariedade da Índia para com Cabo Verde e vai ao encontro da política definida de apoiar a todos no combate à COVID-19.

“A doação incluiu mais de sete mil quilos de medicamentos de alta qualidade fabricado de acordo com as normas da Organização Mundial de Saúde e também dentro dos parâmetros de Cabo Verde. A pandemia COVID-19 vem demonstrando que a indústria farmacêutica da Índia não é só um activo no país. Mas sim tem demonstrado ser um activo no mundo inteiro”, garantiu.

Nessa linha, a diplomata assegurou que a indústria farmacêutica da Índia tem demonstrado “bons resultados” não apenas para o tratamento no país, mas também no apoio a todos os países que têm, de certa forma, uma excelente relação com a Índia.

Conforme apontou os dois países têm uma parceria que abrange diversas áreas, entretanto, a Índia tem actuado mais na educação, com ofertas de bolsas de estudos anualmente.

“Esperamos que essa colaboração Cabo verde/Índia continue e que no final dessa pandemia possamos todos estar bem posicionados e com energia para dar continuidade a essa colaboração”, manifestou. 

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Sheilla Ribeiro,29 set 2020 12:52

Editado porSara Almeida  em  31 out 2020 23:21

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.