Solange Cesarovna diz que gala e prémios SCM são fundamentais para a consolidação dos direitos autorais

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,22 abr 2022 7:51

​A presidente da Sociedade Cabo-Verdiana de Música disse esta quinta-feira, 21, que a gala SCM e a 1ª edição do Prémio SCM, que acontecem esta sexta-feira, no Mindelo, são fundamentais para consolidar os direitos autorais e direitos conexos no País.

Solange Cesarovna falava em conferência de imprensa sobre a realização da Gala Musical Noite de Autores e Prémio SCM em comemoração do Dia Mundial do Direito de Autor.

Segundo a presidente da SCM, realizar a primeira edição do Prémio SCM numa noite de autores, após dois anos sem celebrar o Dia Mundial do Direito de Autor em Cabo Verde, por causa da pandemia da COVID-19, mostra a resiliência e a entrega da SCM, através dos membros dos seus órgãos sociais, da sua equipa e da família criativa e musical cabo-verdiana que esteve incansável e, principalmente, esteve a criar, a compor, a produzir, a traduzir o estado de espírito do momento.

Conforme Solange Cesarovna, foram justamente essas músicas, feitas numa época pandémica pelos membros da Sociedade Cabo-Verdiana de Música que concorreram à 1ª edição dos prémios SCM. As músicas, explicou, tinham de ser lançadas entre 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2021.

“Todas essas músicas dos nossos membros da SCM foram elegíveis e estiveram na plataforma de votações em que o próprio membro da SCM é que votou escolhendo as melhores e os vencedores”, explicou.

Neste sentido, a Sociedade Cabo-Verdiana de Música vai contemplar os vencedores nas categorias de Melhor Música Tradicional e Clássica, Melhor Música Moderna Urbana, o Prémio Carreira e também o Prémio Utilizador Guardião, nas três categorias- Utilizador Guardião Permanente, Pontual e Digital.

“Estamos também muito felizes pelo cumprimento de um sonho que é a possibilidade de, pela primeira vez, realizar a gala Noite de Autores SCM e a primeira edição do Prémio SCM na ilha de São Vicente, onde temos muitos membros autores e artistas”, destacou Solange Cesarovna, para quem desde 2019 queriam descentralizar este evento, mas não foi possível por causa da pandemia da COVID-19.

A gala, adiantou, vai acontecer na Praça Dom Luís e será aberta ao público. No palco estarão os autores e artistas membros da SCM como Dany Mariano, Voginha, Elly Paris, Ary Kueka, Constantino Cardoso, Gabriela Mendes, Ivan Medina, Ilo Ferreira, Bertânia Almeida, Hilar, Kiddye Bonz, Vanessa Delgado, Vamar Martins e ainda haverá surpresas.

Segundo o presidente da Comissão do Prémio SCM, José da Silva ( Djô da Silva) criaram uma comissão com cinco membros da sociedade para decidirem como é que seria a atribuição do prémio.

E, acrescentou, decidiu-se que os próprios profissionais da área iam escolher quem é que seria o melhor na música, o melhor autor/ compositor e o melhor utilizador.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,22 abr 2022 7:51

Editado porA Redacção  em  11 ago 2022 23:28

pub.
pub.
pub.

pub
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.