Mundial Basquetebol: Emanuel Trovoada pede mais “respeito” por Cabo Verde e Edy Tavares

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,3 set 2023 7:30

O seleccionador nacional de basquetebol pede mais respeito a Cabo Verde e aos países africanos e diz que Edy Tavares não voltará a jogar o Mundial se não haver maior protecção a “um dos melhores” da Europa. Declarações feitas, sábado, no final encontro entre Cabo Verde e Japão.

Em conferência de imprensa realizada para análise da derrota de Cabo Verde frente ao Japão (80-71), Emanuel Trovoada, disse que ao longo da competição os países africanos não foram respeitados.

“Há 10 anos a FIBA disse que as equipas africanas não tinham qualidade para estar no Mundial. Hoje temos cinco selecções no Mundial e os árbitros não respeitam os pequenos países. Isto é mau para a FIBA e para a competição”, denunciou Trovoada.

“Edy Tavares é dos melhores da Europa, ele não voltará a jogar esta competição. Tenho fotos no meu telemóvel com muitas faltas sobre o jogador e hoje a equipa de arbitragem não nos deixou ganhar”, acrescentou Emanuel Trovoada, manifestando orgulhoso da prestação dos jogadores nesta primeira aparição no Mundial.

A selecção cabo-verdiana de basquetebol foi derrotada pelo Japão por 80-71, em partida para a atribuição do 17º ao 32º lugares do Mundial da modalidade, a decorrer no Japão, na Indonésia e nas Filipinas.

Cabo Verde entrou em acção sem chances de conseguir o apuramento para os Jogos Olímpicos, uma vez que o Sudão do Sul já havia conseguido a vaga ao vencer Angola por 101 -78, aproveitando a derrota do Egipto com a Nova Zelândia (88-86).

Cabo Verde despede-se assim do Mundial com uma vitória, sobre a Venezuela (81 -75), e quatro derrotas, com a Geórgia (60 -85), Eslovénia (77-92), Finlândia (100-77) e Japão (80-71).

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,3 set 2023 7:30

Editado pormaria Fortes  em  21 mai 2024 23:28

pub.

pub.

pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.