Financiamento do Banco Mundial "já está nos cofres do Estado"

PorAndre Amaral,12 jul 2019 15:43

Gilberto Barros
Gilberto Barros(Expresso das Ilhas

Conselho de Ministros aprovou o contrato de financiamento do Banco Mundial. Ajuda Orçamental é de 40 milhões de dólares e "já está nos cofres do Estado", anunciou o Secretário de Estado das Finanças.

O Governo, em Conselho de Ministros, aprovou o contrato de financiamento assinado com o Banco Mundial no valor de 40 milhões de dólares.

O anuncio foi feito, hoje de manhã, pelo Secretário de Estado das Finanças, Gilberto Barros, na conferência de imprensa do Conselho de Ministros. "Este acordo de financiamento é aquilo que é mais conhecido por ajuda orçamental do Banco Mundial a Cabo Verde e tem o montante de 40 milhões de dólares e é o maior volume de ajuda orçamental dada pelo Banco Mundial a Cabo Verde".

Segundo o governante, o montante disponibilizado pelo Banco Mundial "já está nos cofres do Estado" e só se tornou realidade depois de o "governo ter adoptado uma série de medidas estruturantes, entre as quais a privatização da TACV". 

"O factor de maior risco para a nossa economia era o financiamento da TACV através do tesouros do Estado. Isso já é passado. Os contribuintes cabo-verdianos já não correm esse risco, porque a empresa é financiada na base do seu plano de negócios e na base da rentabilidade desse plano", reforçou Gilberto Barros.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Andre Amaral,12 jul 2019 15:43

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  16 jul 2019 17:19

pub.

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.