​Vistoria às unidades de produção de grogue já arrancou

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,12 jan 2020 9:08

A Direcção Nacional da Indústria, Comércio e Energia (DNICE) iniciou, quinta-feira (09), a vistoria às unidades de produção de grogue que decorrerá até finais do mês de Maio.

Uma nota de imprensa distribuída pelo gabinete de imprensa do Governo, a que a Inforpress teve acesso, indica que “as vistorias têm por objectivo avaliar a evolução, as alterações e melhorias verificadas no período de 2018 a 2019” e servem, igualmente, “para aconselhamento de medidas de melhoria e de reversão das situações de não-conformidade”.

É que essas medidas de melhoria e de reversão das situações de não-conformidade, caso não forem cumpridas, poderão levar ao encerramento das instalações, cessando automaticamente a produção do ano de 2020.

A entidade governamental que trata deste sector informa que para efeitos de emissão das licenças são adoptados critérios específicos para a atribuição da licença definitiva, da licença condicionada (provisória) e para a suspensão das unidades de produção.

As licenças definitivas serão atribuídas às unidades com grau de cumprimento dos requisitos legais e regulamentares igual ou superior a 50 por cento (%), as licenças condicionadas (provisórias) serão atribuídas às unidades com grau de cumprimento superior a 26% e inferior a 40% e ficam sujeitas a renovação em função das melhorias contínuas registadas no primeiro semestre do ano 2020.

Já as unidades com grau de cumprimento dos requisitos legais e regulamentares entre os 11% e os 25%, vistoriadas nos anos 2017, 2018 e 2019, e ainda, as novas situações que venham a ser apuradas com o nível de cumprimento abaixo dos 26% terão a sua licença suspensa.

A vistoria, esclarece a DNICE, “visa a melhoria na produção e comercialização da aguardente da cana-de-açúcar (grogue) cumprindo assim o desidrato do Governo no plano de implementação do quadro legal sobre a produção do grogue”, com o objectivo de acelerar o processo de adequação das unidades produtoras às exigências da regulamentação vigente.

As equipas de vistoria são constituídas pela Direcção Nacional da Indústria, Comércio e Energia, pela Entidade Reguladora da Inspecção de Saúde, pelas Delegações do Ministério da Agricultura e Ambiente e pelas Delegacias de Saúde dos diversos concelhos e representantes das respectivas câmaras municipais.

Em Santo Antão as vistorias terão lugar nos dias 03 a 07 de Fevereiro, no concelho da Ribeira Grande, 10 a 13 de Fevereiro, no concelho do Paul, e de 14 a 21 de Fevereiro, no concelho do Porto Novo.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,12 jan 2020 9:08

Editado porFretson Rocha  em  20 jan 2020 6:19

pub.
pub
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.