Edição 1040

PorExpresso das Ilhas,3 nov 2021 0:01

O ambiente e as alterações climáticas fazem, esta semana, a manchete do Expresso das Ilhas.

Cabo Verde marca presença na COP26 que está a decorrer em Glasgow, na Escócia, e lá Ulisses Correia e Silva lembrou as fragilidades dos pequenos Estados insulares no que respeita às alterações climáticas.

A COP26 é vista como um encontro decisivo para o futuro do planeta. Nas últimas três décadas, as Nações Unidas têm reunido quase todos os países do mundo em cimeiras globais sobre o clima. Foi neste intervalo de tempo que as alterações climáticas deixaram de ser uma nota de rodapé na agenda política para se tornarem numa prioridade a nível global.

Destaque também para a entrevista com Manuel Faustino o Chefe da Casa Civil do Presidente da República cessante. “Foi um desafio intenso e gratificante”, diz Manuel Faustino nesta conversa com o Expresso das Ilhas. Nesta entrevista-balanço, Manuel Faustino ressalta que a chefia da Casa Civil permitiu-lhe pôr ao serviço das funções que exerceu durante 10 anos a experiência acumulada em áreas como a saúde e educação enquanto tutela dessas pastas em diferentes governos de Cabo Verde e fala da sua intervenção em vários momentos do exercício das funções do Chefe de Estado.

Em conversa com o Expresso das Ilhas esteve, também, Ana Graça, a coordenadora da ONU em Cabo Verde.

Num momento em que o mundo todo atravessa duas grandes crises – a da pandemia e a ambiental – a coordenadora das NU fala desses problemas, que a todos afectam, e da resposta dada em Cabo Verde. Do sucesso das medidas contra a covid, ao retrocesso no combate à pobreza (que aconteceu em todo o mundo), Ana Graça traça o retrato passado e presente, e adianta algumas linhas que vão orientar as próximas acções da ONU em Cabo Verde. Prioridades do governo alinhadas com a agenda 2030, o pós-pandemia será mais inclusivo, e essa transformação vai acelerar, considera.

Na economia damos destaque de primeira página ao Relatório de Política Monetária do Banco de Cabo Verde que prevê que, este ano, o PIB cresça, pelo menos, 6,6%. Um valor acima da previsão do FMI (4% para este ano) e dos números do governo (entre 3,5% e 6%).

Na política trazemos-lhe a confirmação da demissão de Paulo Veiga do cargo de ministro do Mar. Veiga, numa curta nota de imprensa, confirmou que está de saída do governo e que aguarda apenas que o Primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, entregue ao Presidente da República o seu pedido de exoneração do cargo. Depois será o regresso à bancada parlamentar do MpD.

Por último destaque para os desafios que vegetarianos e veganos enfrentam em Cabo Verde. Em busca de uma maior qualidade de vida, pessoas optam por uma alimentação baseada em vegetais. Em Cabo Verde, os desafios de uma alimentação vegetal passam pelo preconceito, disponibilidade no comércio e, principalmente, pelo custo dos produtos.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,3 nov 2021 0:01

Editado porAndre Amaral  em  1 dez 2021 10:19

pub.

pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.