ONU lança iniciativa global para combater a desinformação

PorExpresso das Ilhas,22 mai 2020 11:02

As Nações Unidas lançaram esta quinta-feira, a “Verificado”, uma iniciativa para combater o crescente flagelo de desinformação sobre a COVID-19, aumentando o volume e alcance de informação precisa e confiável.

Segundo uma nota enviada, o secretário-geral da ONU, António Guterres anunciou esta iniciativa, argumentando que “não podemos ceder os nossos espaços virtuais àqueles que publicam mentiras, medo e ódio”.

“Desinformação é divulgada online, em aplicativos de mensagem e de pessoa para pessoa. Os seus criadores usam produção e métodos de distribuição maliciosos. Para combater isto, cientistas e instituições como as Nações Unidas precisam alcançar pessoas com informação acurada, na qual possam confiar”, indica.

A mesma fonte explica que “Verificado” é liderada pelo Departamento de Comunicação Global (DCG) da ONU, e oferecerá informação sobre três temas: ciência, para salvar vidas; solidariedade, para promover cooperação local e global; e soluções, para defender o apoio a populações impactadas. Também promoverá pacotes de recuperação que abordem a crise climática e tratem das causas principais da pobreza, da desigualdade e da fome.

Esta iniciativa chama pessoas do mundo todo a se inscrever e se tornarem “voluntários da informação” para compartilhar conteúdo confiável para manter famílias e comunidades seguras e conectadas. Descritos como primeiros contactos digitais, os voluntários receberão diariamente uma lista de conteúdo verificado, optimizado para compartilhamento com mensagem simples e convincente que ou enfrenta directamente a desinformação ou preenche um vácuo de informação.

O DGC irá fazer parceria com agências da ONU e equipes de país da ONU, influenciadores, sociedade civil, empresas e organizações de media para distribuir conteúdo confiável e preciso e trabalhar com plataformas de media social para erradicar afirmações de ódio e prejudiciais sobre a COVID-19.

“Em muitos países a crescente desinformação em canais digitais está impedindo a resposta de saúde pública e provocando instabilidade. Há esforços inquietantes de explorar a crise para avançar nativismo ou atingir grupos minoritários, o que pode piorar na medida em que a pressão aumenta nas sociedades e instabilidades económicas e sociais entram em cena”, afirmou a sub-secretária-geral da ONU para Comunicação Global, Melissa Fleming.

“A iniciativa também trabalhará para enfrentar a esta tendência com conteúdo de esperança que celebre actos locais de humanidade, as contribuições de refugiados e migrantes, e defenda a cooperação global”.

A iniciativa é uma colaboração com a “Purpose”, uma das organizações líderes mundiais em mobilização social e tem o apoio da Fundação IKEA e Luminate.

A oficial chefe de programas da Fundação IKEA disse: “A pandemia de COVID-19 é uma crise de saúde global sem precedentes. A Fundação IKEA tem orgulho de apoiar a Verificado, uma iniciativa que visa garantir que todos tenham acesso a ciência confiável e oriente aqueles que precisam manter suas famílias e entes queridos em segurança”.

O director administrativo da Luminate, Nishant Lalwani, acrescentou: “A COVID-19 proporcionou um grande lembrete de que acessar informação confiável e acurada pode ser a diferença entre medo e resiliência, divisão e unidade, e até entre a vida e a morte. Estamos orgulhosos em apoiar a Verified e seu trabalho para vencer a “infodemia” de coronavírus ao rapidamente disseminar informação confiável, baseada na ciência, para proteger pessoas e comunidades ao redor do mundo”.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas,22 mai 2020 11:02

Editado porSara Almeida  em  28 mai 2020 5:19

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.