​Homem acusado de agressão sexual da filha de 11 anos fica em prisão preventiva

O Tribunal da Comarca da Praia decretou prisão preventivo ao homem de 43 anos, detido na segunda-feira, suspeito da prática, reiterada, de crimes de agressão sexual com penetração, na forma agravada, contra a filha. Na altura do crime, a vítima tinha 11 anos.

De acordo com informações avançadas hoje pela Polícia Judiciária, presume-se que o suspeito aproveitava da ausência da companheira para, sob ameaça de morte, obrigar a menor a manter relações sexuais com ele, em "número incontável de vezes”.

A detenção do suposto agressor foi efectivada através da Secção de Investigação de Crimes Contra Pessoas – Brigada de Crimes Sexuais, da Polícia Judiciária, em cumprimento de mandados do Ministério Público. Presente ao juiz na terça-feira, o indivíduo recebeu a medida de coacção mais gravosa, prisão preventiva.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Rádio Morabeza,2 nov 2018 15:26

Editado porNuno Andrade Ferreira  em  20 nov 2018 3:22

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.