​Ex-director dos serviços penitenciários detido por suspeita de peculato

Fidel Tavares
Fidel Tavares

A Polícia Judiciária (PJ) através da Secção Central de Investigação de Corrupção e Criminalidade Económica e Financeira, deteve, esta segunda-feira, o ex-Director Geral dos Serviços Penitenciários e Reinserção Social, Fidel Tavares, acusado da prática de um crime de peculato em concurso aparente com um crime de infidelidade administrativa.

Segundo uma nota da PJ, enviada esta terça-feira à comunicação social, Fidel Tavares, que exerceu funções, em comissão de serviço, entre 20 de Fevereiro de 2008 e 14 de Novembro de 2012, foi detido fora de flagrante delito.

O mesmo documento dá conta que o detido foi presente no mesmo dia às autoridades judiciárias competentes, para efeito do primeiro interrogatório judicial de arguido detido e aplicação de medidas de coacção pessoal.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Rádio Morabeza,7 nov 2018 8:19

Editado porAilson Martins  em  20 nov 2018 3:22

pub.
pub.
pub

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.