Mais segurança alimentar dá confiança aos consumidores - ERIS

PorAilson Martins, Rádio Morabeza,26 abr 2019 16:12

“Higiene e Boas Praticas nos estabelecimentos Comerciais” foi o tema do painel apresentado hoje, por Verena Furtado, técnica da Entidade Reguladora Independente de Saúde (ERIS), em Assomada, no âmbito da Segunda Semana da Qualidade de Santa Catarina de Santiago.

Verena Furtado fez questão de falar de como deve ser a estrutura física de um estabelecimento alimentar, e das condições que estes devem ter para poderem garantir a segurança e a qualidade dos alimentos produzidos

"Com esses requisitos podem conquistar e aumentar a sua confiança com o seu público, com os consumidores. Os operadores económicos estarão em conformidade com a legislação, estarão a agir de acordo com os requisitos da legislação, estarão a produzir alimentos seguros, que é uma das primeiras responsabilidades dos operadores económicos, e isto tem uma consequência directa na saúde dos consumidores, que ao adquirir ou consumir um alimento produzido nestas condições, nas condições ideais previstas na lei estarão a consumir alimentos que no ponto de vista sanitário, que não vai trazer nenhum problema a saúde" avança.

A técnica da ERIS disse ainda que os operadores económicos devem estar em conformidade com a legislação base do sector alimentar, nomeadamente o decreto legislativo número 3/2009 de 15 de Junho.

"Existe também o decreto-lei número 25/2009 de 20 Julho, esses decretos falam sobre as questões gerais de higiene, que deve aplicar ao sector alimentar, existe também o decreto-lei número 67/2015 de 12 de Dezembro, que é relativo as questões da rotulagem e informação ao consumidor " explica.

Ainda hoje também será apresentado o tema o tema “ Farmacovigilância: Cuidados a ter na Utilização dos medicamentos”.

A segunda Semana da Qualidade irá decorrer até ao próximo sábado, com vários painéis de debate. A iniciativa conta com a parceria do Instituto de Gestão da Qualidade e da Propriedade Intelectual (IGQPI), da Inspecção Geral das Actividades Económicas (IGAE), da Agência de Regulação e Supervisão dos Produtos Farmacêuticos e Alimentares (ARFA), da Associação Comercial, Agrícola, Industrial e de Serviços de Santiago (ACAISA) e da CV Móvel.

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Ailson Martins, Rádio Morabeza,26 abr 2019 16:12

Editado porAndre Amaral  em  14 out 2019 23:23

pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.