Banco Mundial anuncia 15 milhões de dólares para desenvolvimento do sistema estatístico cabo-verdiano

PorExpresso das Ilhas, Inforpress,4 nov 2019 15:55

​O economista sénior do Banco Mundial Rob Swinkels anunciou hoje, na Cidade da Praia, a disponibilização de 15 milhões de dólares, cerca de 1,5 milhões de contos, para o desenvolvimento do sistema estatístico cabo-verdiano.

Rob Swinkels, que falava em representação da representante do Banco Mundial em Cabo Verde na cerimónia de abertura do workshop sobre monitoramento e avaliação do Plano de Estratégico de Desenvolvimento Sustentado (PEDS), disse que o Banco Mundial firmou uma parceria com a União Africana (UA) para financiar o desenvolvimento estatístico no continente.

Neste sentido, indicou que organizações regionais como a Comunidade Economia dos Estados de Africana Ocidental (CEDEAO) desempenharam “um papel importante”, e de formar particular adiantou que o Banco Mundial entendeu que Cabo Verde poderá beneficiar dessa iniciativa e acessar ao financiamento.

“Uma quantia de 15 milhões estará disponível para Cabo Verde e isso oferece uma enorme oportunidade para Cabo verde para investir em infra-estruturas estatísticas e proporcionar o desenvolvimento e uso dados administrativos para fins estatísticos. Isto inclui criação de sistemas mais eficazes de colecta e controlo de qualidade, bem como plataforma das TIC para na recolha e tratamento de dados”, explicou.

O vice-presidente do Instituto Nacional de Estatística (INE), Celso Soares, adiantou que essa disponibilidade de financiamento decorre de um processo iniciado no ano passado no Fórum de Primavera do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional (FMI) em que Cabo Verde apresentou um projecto de financiamento do sistema estatístico.

Neste momento, segundo Celso Soares, decorre a segunda fase para materialização do projecto.

“Já se fez uma avaliação institucional ao INE e agora vamos desenhar a parte técnica do projecto para ser submetido para o financiamento”, disse, indicando que o montante não vai ser alocado ao INE, mas ao sistema estatístico nacional para o reforço da capacidade e produção de estatística de todo o sistema.

Concorda? Discorda? Dê-nos a sua opinião. Comente ou partilhe este artigo.

Autoria:Expresso das Ilhas, Inforpress,4 nov 2019 15:55

Editado porSara Almeida  em  20 nov 2019 8:19

pub.
pub.
pub.
pub.
pub.

Últimas no site

    Últimas na secção

      Populares na secção

        Populares no site

          pub.